Remuneração

10 CEOs que ganham até mil vezes mais que seus funcionários

Com uma remuneração anual de US$ 23 milhões, Michael Duke recebe 1.033 vezes mais que seus funcionários, que recebem uma média de US$ 22 mil por ano

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Não é surpresa que um CEO (Chief Executive Officer) de uma grande empresa ganhe mais que seus funcionários. Mas, quanto exatamente é essa diferença salarial? O PayScale, empresa que reúne dados sobre remuneração, comparou a remuneração média de diretores-executivos de grandes empresas com os salários dos colaboradores.

No topo da lista, aparece o diretor-executivo do Wal-Mart, Michael Duke. Com uma remuneração anual de US$ 23 milhões, o executivo recebe 1.033 vezes mais que seus funcionários, que recebem uma média de US$ 22 mil por ano.

Para realizar o levantamento, o PayScale levou em consideração somente os ganhos em dinheiro dos CEOs e dos funcionários, sem contar outros benefícios e opções de ações, de empresas listadas no ranking “Fortune 100”. Confira os dez CEOs que mais ganharam em relação aos seus funcionários:

PUBLICIDADE
CEO (Empresa)Remuneração anual do CEORemuneração anual dos funcionáriosQuanto ganham a mais
*PayScale
Michael Duke (Wal-Mart)US$ 23,1 milhõesUS$ 22,4 mil1.033 vezes
Gregg Steinhafel (Target)US$ 17,8 milhõesUS$ 29,9 mil597 vezes
Robert Iger (Walt Disney)US$ 31,6 milhõesUS$ 56,8 mil557 vezes
David Cote (Honeywell)US$ 32,8 milhõesUS$ 74,7 mil439 vezes
James Skinner (McDonald’s)US$ 9,5 milhõesUS$ 22 mil434 vezes
Rupert Murdoch (News Corp)US$ 24,7 milhõesUS$ 60,7 mil408 vezes
Irene Rosenfeld (Kraft Foods)US$ 25,3 milhõesUS$ 65 mil388 vezes
Randall Stephenson (AT&T)US$ 26 milhõesUS$ 68,1 mil 381 vezes
Brian L Roberts (Comcast)US$ 18,7 milhõesUS$ 50,6 mil370 vezes
James Dimon (JPMorgan Chase)US$ 19 milhõesUS$ 53,8 mil354 vezes