Conteúdo editorial apoiado por

Grupo Salta Educação acelera expansão em São Paulo com aquisição do Colégio Ábaco

O grupo de educação básica que nasceu no Rio de Janeiro cresceu 200% em São Paulo nos últimos dois anos - e quer mais

Mariana Amaro

A história do Grupo Salta já foi tema de episódio do podcast Do Zero ao Topo

Publicidade

O Grupo Salta (ex-Eleva), que nasceu no Rio de Janeiro, acelerou sua expansão em São Paulo. O maior grupo de educação básica do país adquiriu o Colégio Ábaco – com quatro unidades – e chegou a cerca de 130.000 alunos em 16 estados e no Distrito Federal.

De acordo com Bruno Elias, CEO do Grupo Salta, o grupo demorou para entrar em São Paulo, porque buscava marcas fortes para entrar em um mercado tão grande. “E acabou que de dois anos para cá a gente pisou no acelerador, então temos a marca Anglo, com a Anglo Alante, entramos com a bandeira Elite e agora temos mais uma marca forte, a Ábaco para fazer essa expansão no estado”, afirmou ao InfoMoney.

Descubra o passo a passo para viver de renda e receber seu primeiro aluguel na conta nas próximas semanas, sem precisar ter um imóvel

Continua depois da publicidade

Com isso, em pouco mais de dois anos em São Paulo, o grupo caminha para ter mais de vinte escolas com as três bandeiras, Ábaco, Anglo e Elite, e cresceu 200% no estado. E a expansão deve continuar: “São Paulo é enorme, é um outro Brasil, nos próximos anos a gente vai continuar bem forte no estado”, diz, e completa: “é uma praça prioritária para nossos investimentos e enxergamos o forte reconhecimento da rede na região de atuação, sobretudo no ABC Paulista, pela sua excelência de ensino, o que está refletido em altos índices de aprovação em vestibulares”.

Leia também: Grupo Salta: as escolas que faturam mais de R$ 2 bilhões
Duas das quatro unidades do Colégio Ábaco ficam em São Bernardo do Campo – as outras duas estão na capital. Fundado no ABC paulista, a escola possui ensino médio noturno, um parque pedagógico sustentável em uma área de 1.000m², além de Projeto Integral Bilíngue. A mais recente unidade aberta, no Ipiranga, inaugurou com aproximadamente 600 alunos matriculados.

Segundo Rodolfo Saad, CEO do Colégio Àbaco, que continuará à frente da rede, a escola, que completa cinco décadas precisava pensar na perpetuação da marca. “A parceria com o Salta pode garantir tanto a continuidade da tradição na nossa escola, mantendo a nossa identidade, quanto a expansão da marca prezando pela excelência acadêmica”, diz.

Continua depois da publicidade

Com a aquisição, o Grupo soma 25 redes de escolas e 184 unidades escolares, mas a transação ainda passará por aprovações de órgãos reguladores.

Mariana Amaro

Editora de Negócios do InfoMoney e apresentadora do podcast Do Zero ao Topo. Cobre negócios e inovação.