Conteúdo editorial apoiado por

C&A evolui margem a melhor nível histórico no 4° tri de 2023

Companhia conseguiu atingir meta traçada no IPO para percentual da C&A Pay nas vendas

Felipe Mendes

Publicidade

A varejista de moda C&A tem razões para comemorar. Em um ano complicado para boa parte das empresas que dependem do consumidor final, a companhia de origem holandesa viu os números da operação brasileira evoluírem em diversas frentes no quatro trimestre de 2023. A venda de vestuário, por exemplo, avançou 18,8% frente ao mesmo período em 2022, para R$ 1,95 bilhão. O lucro líquido ajustado, por sua vez, foi 98,2% maior que no quarto trimestre de 2022: R$ 144,9 milhões. Em entrevista ao IM Business, o CEO da C&A Brasil, Paulo Correa, comemorou: “Estamos conseguindo colocar em prática o nosso plano de trabalho e a nossa estratégia que nós apresentamos na época do nosso IPO”, disse.

Um dos pontos que mais satisfez a empresa foi a diluição em 2,5 ponto percentual das suas despesas operacionais, na mesma base de comparação, o que teve um reflexo na redução da alavancagem da empresa para 1,5x a dívida líquida total. Isso abre mais espaço para novos investimentos este ano, mas Correa garante uma coisa: M&As não são a prioridade para a companhia neste momento, assim como a abertura de lojas.

“O nosso mantra para este ano é aumentar a venda por metro quadrado a partir de uma experiência com os nossos clientes mais relevantes e ter um nível de relacionamento mais intenso com a nossa base de clientes”, diz ele. “Já a abertura de lojas tem sido muito seletiva porque o número de projetos que consegue ser interessante nesse contexto de taxa de juros de dois dígitos é bem pequeno. Vamos ter algumas aberturas em 2024, mas o fator macro precisa evoluir mais para a gente poder ter um apetite maior para a abertura de lojas.”

No trimestre, o capital de investimento da companhia foi de R$ 63 milhões, sendo a maior parte destinada para a vertente de tecnologia (R$ 40,1 milhões) e para reformas e remodelagens (R$ 16,9 milhões). Foram investidos R$ 3,3 milhões em novos pontos de venda no período. A companhia encerrou o ano com 334 unidades, o que totalizou uma área de vendas de mais de 616 mil metros quadrados.

A empresa alcançou, ainda, o seu melhor nível histórico de margem bruta de vestuário: 56,5%. No quarto trimestre de 2023, a C&A também comemorou a evolução do seu programa de pagamentos C&A Pay, que atingiu a marca de 5 milhões de cartões digitais emitidos para uso nas suas lojas. Essa vertente representou 25% das vendas no quarto trimestre. “Ainda vemos espaço para expandir o C&A Pay este ano. Ele é um instrumento fundamental de relacionamento com o nosso consumidor”, aponta o executivo. “Tínhamos essa ambição de chegar a 25% até o fim de 2023. A gente entende que é possível ampliar isso, mas estamos chegando perto do teto que imaginamos para esta jornada.”

A empresa encerrou o ano com R$ 1,2 bilhão em caixa, o que classifica ser sustentável para fazer frente aos seus compromissos em 2024. Para este ano, o capex será direcionado, sobretudo, para a digitalização da jornada de compra do consumidor e nos pontos de venda.

Em 2023, a companhia atingiu uma receita líquida total de R$ 6,7 bilhões, alta de 8,7% frente ao ano anterior. A receita proveniente do vestuário, por sua vez, foi de R$ 5,5 bilhões, alta de 10,6% ante 2022. No e-commerce, a receita líquida registrada foi de R$ 1,07 bilhão, avanço de 23,5% sobre o ano anterior. Já o lucro bruto total alcançou a marca de R$ 3,5 bilhões em 2023, evolução de 13,4% na mesma base de comparação. “O ano de 2023 vai ficar marcado para a C&A como um ano de evolução em absolutamente todas as dimensões, mesmo que a macroeconomia e a conjuntura para o setor não tenham sido as mais favoráveis”, disse Correa.

IM Business

Newsletter

Quer ficar por dentro das principais notícias que movimentam o mundo dos negócios? Inscreva-se e receba os alertas do novo InfoMoney Business por e-mail.

Preencha o campo corretamente!
E-mail inválido!
Preencha o campo corretamente!
Preencha o campo corretamente!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.