Blog InfoMoney

Terraço econômico

Em blogs / economia-e-politica / terraco-economico

Imagens fortes: 5 Gráficos que mostram o desastre que está o PIB brasileiro

Essa semana saiu o PIB do terceiro trimestre! Você viu o desastre que foi? Não? O blog do Terraço traz tudo pra você entender a crise que estamos passando... Mas cuidado! Esse post contem imagens fortes, digo, gráficos fortes...

Joaquim Levy e Dilma Rousseff
(Antonio Cruz/ Agência Brasil)

Na última terça-feira foram divulgados pelo IBGE os dados do Produto Interno Bruto da economia brasileira, o famoso PIB! Como tem sido a regra vigente para os indicadores de atividade econômica, o resultado foi um desastreregistrando o pior número em 19 anos.

1) O PIB quando comparado com o mesmo trimestre do ano anterior: o primeiro gráfico já é um verdadeiro tapa na cara, não precisa nem fazer esforço para que ver o recuo do PIB nesse terceiro trimestre em relação ao mesmo trimestre do ano anterior, já é significantemente maior que do que foi na época da crise financeira global, em 2008.

Fonte: IBGE - Elaboração Própria
Fonte: IBGE - Elaboração Própria


2) Seguraaaaaaaaaaa: trimestre após trimestre a economia vem desacelerando paulatinamente, desde o final de 2013 a atividade desandou, mas 2015 não teve até agora um crescimento na atividade, apenas quedas e mais quedas...

Fonte: IBGE - Elaboração Própria
Fonte: IBGE - Elaboração Própria


3) Quais são os setores do lado produtivo que mais contribuíram para derrubar o PIB? Com certeza a indústria, principalmente o setor de transformação. A atividade industrial vem sofrendo com recuos na casa dos 20%. Vale sempre lembrar que é o setor mais dinâmico da economia, que paga os melhores salários e agrega o maior valor tecnológico. O gráfico abaixo também mostra que apenas os setores de extrativismo mineral e agropecuária eram os únicos contribuindo positivamente para o PIB. Mas do que adianta com os preços das commodities próximos de seus mínimos históricos...

Fonte: IBGE - Elaboração Própria
Fonte: IBGE - Elaboração Própria


4) Hmmmm e aquela história que o setor de serviços estava ajudando a segurar o PIB? Acabou! Com a confiança da economia caindo a níveis mais baixos do que os vistos na crise de 2008, não existe serviço que resista, infelizmente.

Fonte: IBGE - Elaboração Própria
Fonte: IBGE - Elaboração Própria


5) E pela ótica da demanda, ou pela famosa equação Y = C + I + G + (X-M), ou em bom português: O PIB (Y) é igual a soma do consumo das famílias (C) + Gastos do governo (G) + Investimentos (I) + Exportações líquidas (exportações – importações). Como a demanda deve sempre ser igual a oferta, o resultado é igualmente desastroso. Detalhe para vertiginosa queda dos investimentos. Investimento significa mais máquinas e infraestrutura que aumentam a capacidade produtiva da economia no futuro. Vendo os dados de investimento não é preciso ser economista pra saber que o pibinho veio para ficar um bom tempo. E o consumo das famílias também vem se reduzindo com certa velocidade, afinal de contas ninguém troca de carro e geladeira todo ano...E não se anime com as exportações líquidas, não estamos exportando mais, estamos é importando bem menos devido ao câmbio que explodiu.

Fonte: IBGE - Elaboração Própria
Fonte: IBGE - Elaboração Própria


Chega! essa pílula foi de longe a mais indigesta que eu já fiz... Tomem com moderação. Provavelmente o dado de atividade do quarto trimestre será ainda mais venenoso! Uma lástima...

victor

Importante: As opiniões contidas neste texto são do autor do blog e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney.

 

perfil do autor

InfoMoney Blogs

E-mailterracoeconomico@
gmail.com

Terraço Econômico

O Terraço Econômico é um espaço para discussão de assuntos que afetam nosso cotidiano, sempre com uma análise aprofundada (e irreverente) visando entender quais são as implicações dos mais importantes eventos econômicos, políticos e sociais no Brasil e no mundo. A equipe heterogênea possui desde economistas com mestrados até estudantes de economia. O Terraço é composto por: Alípio Ferreira Cantisani, Arthur Solowiejczyk, Lara Siqueira de Oliveira, Leonardo de Siqueira Lima, Leonardo Palhuca, Victor Candido e Victor Wong.

Quer dicas exclusivas?

Preencha os campos abaixo e receba dicas e conteúdos exclusivos do blog Terraço econômico

Contato