Em bancodobrasil

Governo pretende vender ações excedentes do Banco do Brasil em operação que pode chegar a R$ 1 bilhão

A venda dessas ações foi confirmada na noite de quarta-feira pelo governo, após reunião do PPI, quando foi anunciado o pacote de privatizações  

banco do brasil
(Shutterstock)

O Diário Oficial da União desta quinta-feira, 22, traz a resolução do Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) que recomenda a inclusão da participação acionária excedente, detida pela União, do capital social do Banco do Brasil (BBAS3) no âmbito do Programa Nacional de Desestatização (PND).

A venda dessas ações foi confirmada na noite de quarta-feira, 21, pelo governo, após reunião do PPI, quando foi anunciado o pacote de privatizações.

Segundo a Resolução publicada hoje, a recomendação é para a venda da participação acionária excedente ao controle da União no capital do BB, correspondente a 20.785.200 ações ON.

Ontem, quando fez o anúncio da intenção de venda dessas ações, o secretário especial de Desestatização, Desenvolvimento e Mercados do Ministério da Economia, Salim Mattar, previu que a operação deve render cerca de R$ 1 bilhão.

Ainda de acordo com o texto da resolução, o conselho recomenda que o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) seja designado como responsável pela execução e acompanhamento dos atos necessários à alienação das ações.

Invista melhor seu dinheiro: abra uma conta de investimentos na XP - é de graça!

 

 

Contato