Em onde-investir / acoes

Novo investimento permite que torcedores virem empresários de jogadores de futebol

Apaixonados pelo futebol poderão participar ativamente dos seus clubes, adquirindo percentuais econômicos de atletas pela internet

SÃO PAULO – A Panela FC é a responsável por revolucionar o mundo dos fanáticos de futebol, por meio de um portal com bases que propiciarão aos torcedores a compra e venda de porcentagens financeiras de atletas.

Com isso, os torcedores poderão fazer parte, ativamente, de seus clubes preferidos, pois a plataforma de negócios online pretende criar uma grande parceria com os clubes de futebol, de maneira que a instituição esportiva possa se capitalizar para manter seus principais atletas e grandes revelações por mais tempo, além de investir em novos negócios, dentro e fora de campo.

Já para os atletas, o negócio trará uma possibilidade de aposentadoria, uma vez que ele ganhará um percentual da venda que ficará em uma previdência privada para resgate quando encerrar a carreira oficialmente. Os torcedores, além de passarem de espectadores para donos de jogadores de futebol, terão possibilidades reais de fazer negócio e lucrar com o bom desempenho de seus ídolos.

De acordo com Diego Fernandes, CEO e idealizador da empresa, o Panela FC foi feito para os torcedores, com o propósito de romper o muro que separa o torcedor do mundo do futebol. “Agora qualquer um vai poder entrar num processo que antes era possível apenas para grandes empresários. Trata-se da oportunidade para que os torcedores se tornem empresários ou sócios do clube na questão da posse do atleta”, afirmou.

Segundo o empreendedor, com a ferramenta os torcedores poderão ajudar seu clube e ainda aplicar seus conhecimentos de futebol, possibilitando experiência única de viver dentro do universo do futebol de uma maneira jamais vista antes. “O espectador fará parte do negócio, pois vai poder vivenciar com maior proximidade o dia a dia do futebol, e ainda poderá lucrar com isso”, disse.

O Panela FC já conta com a parceira da Federação Cearense de Futebol, Federação de Futebol Piauí, Federação Norte-rio-grandense de Futebol, Federação Sergipana de Futebol, Federação Maranhense de Futebol e Federação Paraibana de Futebol.

O modelo de negócio também tem como integrantes na sua lista inicial de times como o Remo, o Sampaio Corrêa, o América de Natal, o CSA, o Linense, o Grêmio Barueri, Gama e o Treze da Paraíba, por exemplo. Clubes mundialmente conhecidos também estarão presentes, como é o caso do Futebol Clube do Porto, que disputa a Champions League. O Marítimo, Vitória de Guimarães e Trofense completam a lista dos clubes portugueses. Clubes da Argentina também integrarão a grade. O site já conta com o cadastro de mais de 30 atletas para o pontapé inicial nas negociações.

Como investir
O portal Panela FC apresentará em sua vitrine de negociações 09 jogadores por semana, pertencentes a clubes nacionais e internacionais. Cada atleta apresentará uma ficha com informações sobre idade, time pertencente, tempo de contrato com o clube e valor de mercado, entre outros pontos.

A grande jogada do site é contar com moeda própria para as negociações em sua plataforma. Elaborado o processo de cadastro, o torcedor terá de comprar paneletas, moeda oficial da plataforma, para começar a formar do seu time de investimentos. Todos os jogadores terão suas cotas à venda no Panela por meio de denominação de quantidade de paneletas. Cada uma equivale ao valor de R$ 1,00. “O torcedor não poderá fazer a compra de 100% dos direitos econômicos de um único jogador. Cada torcedor poderá comprar o montante de 5 mil paneletas em cada atleta”, reforçou o CEO.

O torcedor que efetuar a compra dos direitos receberá por e-mail o “Contrato Digital”. Este documento foi elaborado pelo departamento jurídico do Panela FC, com preenchimento de informações do comprador e dos direitos econômicos do atleta, que asseguram a compra.

O Panela FC irá trabalhar com formas de pagamento por cartão de crédito, transações de débito e boleto bancário. Para a advogada Gislaine Nunes, responsável pela área jurídica do portal, no caso de desistência da compra de paneletas, o torcedor poderá fazer o cancelamento dentro de um prazo de 7 dias corridos após a compra. As regras do site seguem o Art. 49 do Código de Defesa do Consumidor. O Panela conta com sistemas de segurança disponíveis para comércio eletrônico, como o Certificado SSL, o Sistema Anti-fraude e E-Bit.

“O departamento jurídico do Panela assegura ao torcedor que ele receberá o que é seu por direito. O usuário do Panela tem a garantia de tranquilidade de aquisição e lucratividade com bases jurídicas legais”, informou a Dra. Gislaine.

Todo processo do Panela FC estará no ar no portal www.panelafc.com.br. O torcedor também poderá interagir e ter mais informações no Facebook oficial da plataforma (facebook.com/Panela_FC). O Panela FC destinará suas atenções aos interessados por meio do atendimento no suporte@panelafc.com.br

Neymar e Pato comemoram
(Paulo Whitaker/Reuters)

Contato