Falha em corretora de criptomoedas permite que usuários comprem bitcoins de graça

Um cliente chegou a colocar uma ordem de compra de US$ 20 trilhões, tentando sacar a quantia logo em seguida

 21 fev, 2018 12h06

Por: Rodrigo Tolotti Umpieres

SÃO PAULO - Um grave erro no sistema da exchange japonesa Zaif fez com que seus usuários conseguissem comprar criptomoedas de graça por um período na semana passada. Segundo a Reuters, a falha levou os investidores a tentarem fazer grandes saques para aproveitar o preço zero dos ativos.

É hoje! Aprenda como se posicionar agora para lucrar na Bolsa com as eleições. Clique aqui para saber mais.

A janela de "oportunidade" durou apenas 20 minutos, mas foi o suficiente para uma grande movimentação na exchange. Em um dos casos, um cliente colocou uma ordem de compra de 2.200 trilhões de ienes, o que equivale a cerca de US$ 20 trilhões, tentando sacar a quantia logo em seguida.

Uma empresa de segurança informou que o caso aconteceu no dia 16 de fevereiro e ainda disse que sete clientes conseguiram comprar moedas digitais de graça. Por outro lado, a exchange afirmou que cancelou as transações e corrigiu os saldos dos usuários.

Apesar disso, uma fonte da Reuters sugere que a correção do problema ainda está sendo negociada com um dos sete usuários que tentaram sacar as criptomoedas.

O Japão tem sido muito elogiado pela regulamentação que criou no ano passado, lançando um sistema para supervisionar os intercâmbios de criptomoedas, com o objetivo de proteger os clientes e eliminar os usos ilegais de moedas digitais.

Imagem: