Em mercados / acoes-e-indices

Ibovespa fecha com ganhos de 1,01% e registra sua 3ª sessão seguida de alta

Indíce chegou a cair 0,58% no intraday e, após período de forte volatilidade consolidou alta, com destaque para Eletrobras e Eletropaulo

SÃO PAULO - Depois de chegar a cair 0,58% no intraday e operar com forte volatilidade no início da tarde - invertendo sinal várias vezes -, o Ibovespa consolidou o movimento de alta e fechou com forte valorização. O índice fechou com ganhos de 1,01%, a 56.265 pontos, voltando para o patamar dos 56.000 depois de 2 semanas.

Com isso, o benchmark da bolsa fechou na sua terceira sessão seguida de alta, com ganhos em 5 das últimas 6 sessões. O giro financeiro foi de R$ 6,76 bilhões. 

Na ponta positiva do índice, destaque para as elétricas Eletrobras PN (ELET3, R$ 5,56, +5,90%ELET6, R$ 10,09, +7,00%) e Eletropaulo PN (ELPL4, R$ 8,42, +5,78%), em meio à publicação da Medida Provisória divulgada no Diário Oficial da União, que deu ao governo o direito de usar antecipadamente receitas da Usina de Itaipu favorece as duas companhias. De acordo com notícia da Agência Estado, a medida pode evitar aumentos ou mesmo auxiliar em novos descontos na conta de luz. Hoje, os créditos de Itaipu somam cerca de US$ 15 bilhões.

A MP permite a emissão dos títulos em favor da CDE (Conta de Desenvolvimento Energético). A Conta é uma espécie de encargo protetor que, desde o fim do ano passado, passou a cobrir uma série de custos que incidiam nas contas de luz e eram pagos por distribuidoras e consumidores.

Construtoras em alta
As ações das construtoras, com destaque para a PDG Realty (PDGR3, R$ 2,52, +5,44%), da Brookfield (BISA3, R$ 1,82, +4,60%) e MRV Engenharia (MRVE3, R$ 7,20, +3,60%) também tiveram fortes altas. Os papéis de metalúrgicas, com destaque para a CSN (CSNA3, R$ 7,04, +2,77%). 

Por outro lado, algumas ações que chegaram a ter forte queda amenizaram as perdas e até inverteram sinais, como é o caso do setor financeiro, que chegaram a cair cerca de 1% no intraday. Com isso, Banco do Brasil (BBAS3, R$ 26,35, -0,83%), Santander Brasil (SANB11, R$ 15,01, -0,27%), Itaú Unibanco (ITUB4, R$ 32,83, +1,58%) e Bradesco (BBDC3, R$ 35,50, +0,45%BBDC4, R$ 34,85,+0,29%) registraram leves quedas ou ganhos. 

As maiores altas, dentre as ações que compõem o Índice Bovespa, foram:

 Cód. Ativo Cot R$ % Dia % Ano Vol1
 ELET6 ELETROBRAS PNB EJ 10,09 +7,00 +14,12 27,57M
 BTOW3 B2W DIGITAL ON 11,02 +6,06 -35,18 7,87M
 ELET3 ELETROBRAS ON EJ 5,56 +5,90 -5,19 15,79M
 ELPL4 ELETROPAULO PN N2 8,42 +5,78 -49,86 19,95M
 PDGR3 PDG REALT ON 2,52 +5,44 -23,87 84,81M


As maiores baixas, dentre os papéis que compõem o Índice Bovespa, foram:

 Cód. Ativo Cot R$ % Dia % Ano Vol1
 MRFG3 MARFRIG ON 7,30 -2,54 -13,92 26,62M
 OIBR4 OI PN 4,69 -2,29 -38,36 36,56M
 OIBR3 OI ON 5,13 -2,29 -39,46 6,03M
 JBSS3 JBS ON 6,81 -1,87 +14,64 49,24M
 SUZB5 SUZANO PAPEL PNA 7,70 -0,90 +11,85 16,74M


As ações mais negociadas, dentre as que compõem o índice Bovespa, foram :

 Código Ativo Cot R$ Var % Vol1 Neg 
 VALE5 VALE PNA 31,37 +1,03 557,03M 28.998 
 PETR4 PETROBRAS PN 20,24 +0,20 472,03M 23.927 
 BVMF3 BMFBOVESPA ON 14,57 +0,83 320,50M 17.371 
 ITUB4 ITAUUNIBANCO PN EB 32,83 +1,58 289,62M 19.689 
 CIEL3 CIELO ON 53,10 +0,42 207,89M 7.091 
 RENT3 LOCALIZA ON 34,98 +3,64 171,91M 3.741 
 BBDC4 BRADESCO PN 34,85 +0,29 164,61M 9.419 
 BRML3 BR MALLS PAR ON 24,05 +0,21 151,71M 9.665 
 OGXP3 OGX PETROLEO ON 1,74 +1,16 128,99M 13.898 
 BRPR3 BR PROPERT ON 21,98 +0,14 127,24M 8.458 

* - Lote de mil ações
1 - Em reais (K - Mil | M - Milhão | B - Bilhão)
 

Discursos de membros do Fed em foco
Enquanto os investidores aguardam o discurso de Ben Bernanke, marcado para às 11h da próxima quarta-feira (22), as indicações de diversos presidentes de Feds regionais avaliando um possível corte no programa de compra de títulos, o Quantitative Easing III, repercurtem e movimentam os mercados nesta sessão.

Após o discurso de John Williams e Charles Plosser sugerir que talvez já seja a hora da autoridade norte-americana começar a diminuir o ritmo de compra de títulos, hoje em US$ 85 bilhões mensais, a expectativa ganhou força com as palavras do presidente do Fed de Chicago e membro votante do Fomc (Federal Open Market Committee), Charles Evans.

Mais tarde, o presidente do Fed de Nova York, William Dudley, destacou que talvez o Fed deva ajustar o passo de compra de ativos dependendo da perspectiva econômica, enquanto o chefe de St. Louis, James Bullard, destacou que o Fed deva continuar com os programas de compra de ativos. Com isso, as bolsas dos EUA fecharam em alta. 

Confiança da indústria avança
O ICI (Índice de Confiança da Indústria) registrou alta de 1,1% na prévia de maio, passando de 104,2 pontos em abril para 105,3 pontos, segundo dados da FGV (Fundação Getulio Vargas). O resultado configura o primeiro avanço do índice após duas quedas seguidas.

Inflação e preços na Europa
A inflação no Reino Unido registrou 2,4% em abril, valor menor do que os 2,8% obtidos no mês anterior e que as projeções do mercado, de 2,6%. Ainda na agenda econômica, os preços ao produtor na Alemanha caíram 0,2% em abril - queda maior do que a de 0,1% esperada por analistas. Na comparação anual, os preços subiram 0,1%, menor resultado desde março de 2010.

ações - corretores da bolsa - mercado financeiro - pregão
(Getty Images)

Contato