Por que a gasolina subiu? Entenda o preço

O preço médio do litro da gasolina comum no Brasil chegou a R$ 5,98 na última semana, segundo levantamento da ANP, mas pôde ser encontrado acima de R$ 7 em alguns postos do país

O valor médio de agosto,  R$ 5,92, é o maior dos últimos 20 anos em termos nominais Desde o início de 2021, o combustível aumentou quase 28%

A Petrobras, que fornece para as distribuidoras, calcula o preço nas refinarias com base na cotação do petróleo e na taxa de câmbio, pois a commodity é cotada em dólar

Além da relação de oferta e demanda, outros fatores que podem influenciar na cotação do petróleo incluem piora da pandemia e riscos geopolíticos A alta do etanol também pesa sobre a gasolina

Segundo a ANP, o valor da gasolina nos postos é composto da seguinte forma: Preço do produtor da gasolina (35,6%), que basicamente é a Petrobras; preço do etanol anidro (14,8%)

Os impostos são o item com maior peso no bolo

Tributos federais (como Cide, PIS/Pasep e Cofins) têm  fatia de 12,6% no total, enquanto os tributos estaduais (ICMS) representam 28,1%  do preço final

a margem da distribuição e revenda respondem por 9% Os percentuais podem variar conforme o período e o estado de comercialização

Saiba mais nesta matéria do InfoMoney