Em v-agro

Acionista venderá R$ 6,2 milhões em ações de small cap amanhã na Bovespa

Leilão de venda movimentará sozinho volume financeiro 8 vezes superior ao giro médio diário negociado com a ação na Bolsa nos últimos 21 pregões

carregamento de soja em MT
(Paulo Whitaker/Reuters)

SÃO PAULO - A BM&FBovespa informou nesta terça-feira (29) que ocorrerá um leilão amanhã para venda de R$ 6,2 milhões em ações da Vanguarda Agro (VAGR3). A operação, conhecida como "block trade", resultará sozinha em um volume financeiro 8 vezes maior que o giro médio diário dos últimos 21 pregões movimentado com a ação na Bolsa (ou R$ 780 mil).

Segundo comunicado da Bolsa, o leilão está programado para ocorrer entre 15 e 15h15 (horário de Brasília). A operação envolverá a venda de 750 mil ações, ou 4,18% do capital total da empresa, a preço de R$ 8,30. Os papéis da companhia, que operavam no negativo antes do comunicado, viraram para alta nesta sessão e já são negociados no preço estipulado pelo leilão (R$ 8,30). Às 16h02 (horário de Brasília), as ações registravam alta de 1,22%. 

O comunicado da Bovespa não informa quem é o acionista, mas que ele não é controlador ou integrante do bloco de controle e que ele desconhece qualquer informação relevante sobre a empresa que não seja de domínio público. A Bolsa informa, no entanto, que o investidor é membro do conselho deliberativo, fiscal, de administração ou de qualquer outro órgão que exerça direta ou indiretamente qualquer tipo de ato de gestão, fiscalização ou controle da companhia.

Além do "block trade", o mercado reage à notícia de que a companhia busca negociar um acordo com Itaú, Bradesco e Santander para adiar por um ano o pagamento de uma parcela de US$ 15 milhões da dívida que vence em 31 de dezembro, disse Arlindo Moura, presidente da companhia, em entrevista por telefone à Bloomberg, nesta terça-feira. Essa seria a primeira parcela da reestruturação da dívida de US$ 150 milhões com os bancos feita em abril. 

 

Contato