Em unipar

Small cap em processo de OPA anuncia dividendos de quase R$ 5 por ação e dispara 20% na bolsa

Por conta de uma "errata" no balanço do 1° trimestre, a Unipar anunciou ontem um dividendo "extraordinário" no valor R$ 362,8 milhões; o montante corresponde a um "dividend yield" - no caso das ações PNs - 46% em relação ao fechamento de segunda-feira

Dinheiro Lucro Feliz
(Shutterstock)

SÃO PAULO - Uma ação de baixa liquidez na bolsa e que está em processo de fechamento de capital volta a chamar atenção do mercado nesta terça-feira (25) - a Unipar Carbocloro (UNIP6), empresa que tem como principais atividades a fabricação de cloro, derivados de cloro e soda cáustica. Isso porque - conforme já era esperado pelo mercado por conta de uma "errata" publicada no seu balanço do 1° trimestre (veja mais aqui) - a empresa anunciou ontem à noite o pagamento de um dividendos "extraordinário" no valor de R$ 362,8 milhões, correspondentes a R$ 4,6449 por ação no caso das PNs (UNIP6) - que possuem maior liquidez na bolsa - ou um "dividend yield" (dividendo pelo preço da ação) de 46% em relação ao fechamento de ontem.

Em meio ao comunicado, as ações PNs da companhia dispararam 20% na B3 nesta terça-feira, indo a R$ 12,00, mas atingiram na máxima do dia ganhos de 23%, a R$ 12,00. Um movimento que veio acompanhado de forte volume financeiro de R$ 8,04 milhões, contra média diária de R$ 967,7 mil dos últimos 21 pregões. 

Segundo a empresa, farão jus aos proventos os acionistas detentores dos papéis em 27 de julho - um dia antes do leilão para possível fechamento de capital da empresa. Pelo comunicado enviado ao mercado, a companhia diz que o pagamento será feito em duas partes, sendo que 72,23% dos proventos serão distribuídos a partir de 8 de agosto de 2017 e 27,77% serão pagos sem correção monetária a partir de 20 de dezembro de 2017.   

Entenda por que o dividendo extraordinário
Os R$ 362,8 milhões em proventos anunciados ontem pela empresa correspondem são oriundos de uma "errata" no balanço do 1° trimestre da empresa (veja mais aqui). Isso porque em dezembro de 2016, a companhia concluiu a compra de 70,6% da Solvay Indupa (fabricante de soda cáustica e PVC) e contabilizou a combinação de negócios com o valor de R$ 244 milhões. No entanto, o negócio sofreu uma reavaliação da empresa, que voltou na reapresentação do balanço do 1° trimestre - dia 5 de maio - como "Resultado na Combinação de Negócios" no valor de R$ 516 milhões. Exatamente essa diferença aparece agora na forma de dividendos intermediários. 

Conforme o comunicado de ontem da companhia, esses R$ 362,8 milhões serão distribuídos em diferentes espécies e classes de ações, da seguinte forma: 1) montante de R$ 117,19 milhões às ações ordinárias, correspondente a um dividendo de R$ 4,22270943 por ação ordinária; 2) o montante de R$12.033.341,91 às ações preferenciais classe "A", correspondente a R$4,64498038 por ação preferencial classe "A"; 3) o montante de R$233.575.927,32 às ações preferenciais classe "B", correspondente a R$4,64498038 por ação Preferencial classe "B".

Por conta do anúncio, a empresa informou ainda que o preço por ação fixado no âmbito da OPA (Oferta Pública de Aquisição) pelo controlador sofreu uma alteração. O valor fixado inicialmente para cada ação havia sido R$ 7,50 para todas as espécies e classes, mas, agora, para incorporar esses proventos, passa a ser de R$2,95 por ação ordinária; R$2,40 por ação preferencial classe "A"; e R$2,50 por ação preferencial classe "B", a ser pago integralmente à vista na data de liquidação financeira da oferta. 

Esses ajustes no preço da OPA incluem - além dos dividendos intermediários de R$ 362,8 milhões - os dividendos anunciados pela empresa na época da primeira divulgação do seu balanço do 1° trimestre de R$ 28,318 milhões, que são relativos ao lucro de suas operações no período e que foram aprovados em 28 de abril. Desses R$ 28,3 milhões, R$9.062.791,15 irão aos titulares de ações ordinárias, correspondente a R$0,3265590374 por ação ordinária; R$1.191.681,54 aos titulares de ações preferenciais classe "A", correspondente a R$0,4600000066 por ação preferencial classe "A"; e R$18.063.362,19 aos titulares de ações preferenciais classe "B", correspondente a R$0,3592149411 por ação preferencial classe "B". 

 

Contato