Stock Pickers

Por que urânio, petróleo, cobre e alumínio podem subir por causa da “economia verde”?

Para Ruy Alves, gestor da Kinea Asset, a equação é simples: menor oferta de matérias-primas e demanda ainda necessária puxarão os preços para cima

(CONDADO DA FARIA LIMA) – A economia verde já é uma realidade, mas por mais paradoxal que isso possa parecer, esse “novo normal” deve puxar para cima o preço de várias commodities – mesmo aquelas que nem de longe são consideradas “ESG”.

Essa foi a tônica do Coffee & Stocks desta sexta-feira (28) com Ruy Alves, gestor macro global da Kinea (veja o papo completo no vídeo acima). O assunto é longe de ser trivial, inclusive a Kinea publicou uma carta de 9 páginas nesta semana explicando como matérias-primas como petróleo, urânio, alumínio e cobre podem ver seus preços subirem.

O motivo não é o mesmo para todas as matérias-primas, mas se fosse resumir em uma frase, poderíamos dizer que: a oferta não deve crescer (seja porque ninguém quer investir em novos projetos, seja por questões ambientais) e a demanda continuará firme ou até crescente, mesmo naquelas commodities nada amigáveis em termos ambientais.

O link da carta da Kinea está disponível no Telegram do Stock Pickers (link do grupo aqui, o acesso é grátis).