Turbulência política não intimida e mercados seguem amparados por otimismo

Depois de Silas Rondeau, ex-ministro de Minas e Energia, presidente do Senado é alvo de acusações de práticas ilícitas

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A atual turbulência no quadro político do país, que em tempos passados chegou a impactar diretamente no desempenho dos mercados domésticos, parece não intimidar o otimismo dos investidores. Prova disto é que, nesta segunda-feira, o Ibovespa mantém sua trajetória de alta e o dólar segue em desvalorização frente ao real.

Depois de Silas Rondeau – ex-ministro de Minas e Energia – pedir demissão após denúncias de suposto envolvimento em fraudes orçamentárias apuradas pela Operação Navalha da Polícia Federal, quem rouba a cena com acusações de práticas ilícitas é Renan Calheiros, presidente do Senado.

Às 15:30 horas desta segunda-feira (horário de Brasília), Calheiros irá se pronunciar ao Congresso contra as denúncias de suposto envolvimento com o lobista Cláudio Gontijo, da construtora Mendes Júnior.

Gontijo pagaria despesas pessoais de Calheiros

Aprenda a investir na bolsa

Segundo reportagens publicada pela mídia brasileira nos últimos dias, Gontijo seria responsável pelo pagamento de algumas despesas pessoais de Calheiros, incluindo aluguel (no valor de R$ 4,5 mil) de um apartamento em Brasília para sua ex-namorada, a jornalista Mônica Veloso, e a pensão de R$ 12 mil para a filha da jornalista com o presidente do Senado.

A assessoria de Calheiros informou que o senador irá se defender das acusações apresentando declarações de seu Imposto de Renda de anos passados.