Campanha

TSE condena PT a devolver R$ 7 milhões das contas de 2010

Partido foi pego em 57 irregularidades apontadas por tribunal e pelo Ministério Público

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O ministro do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Luiz Fux, aprovou com ressalvas a prestação de contas da campanha da presidente Dilma Rousseff de 2010. Fux determinou que o PT devolva R$ 7 milhões aos cofres públicos por 57 irregularidades apontadas pelo TSE e pelo Ministério Público. 

Um dos ressarcimentos está ligado ao escândalo do Mensalão, sendo referente ao R$ 1,3 milhão por empréstimos fictícios fechados com o Banco Rural no esquema de compra de votos. Segundo informações da Folha de S. Paulo, a área técnica do tribunal propôs uma punição maior ao partido, recomendando a devolução de R$ 8,8 milhões, mas Fux optou pelo parecer do Ministério Público Eleitoral que descartou 17 irregularidades, portanto, prevalecendo uma punição menor.

Especiais InfoMoney:

Aprenda a investir na bolsa

Carteira InfoMoney rende 17% no 1º trimestre; CLIQUE AQUI e baixe!

Trader que perdeu R$ 285.000 com Telebras conta como deu a volta por cima

André Moraes diz o que gostaria de ter aprendido logo que começou na Bolsa