Política

Temer nega frase “sou candidato à presidência”, supostamente dita hoje no Acre

A publicação afirma que o vice-presidente disse ainda que a trincheira na busca pela Presidência exige unidade do partido

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Uma confusão se instalou após um discurso do vice-presidente da República, Michel Temer, no Acre nesta sexta-feira (19). Segundo matéria do jornal O Estado de S. Paulo, o peemedebista teria afirmado que será candido à presidência nas eleições de 2018. Porém, a informação foi negada por ele em seguida, que disse que sua afirmação foi que o PMDB terá um candidato nas próximas eleições.

De acordo com o Estadão, Temer teria dito em seu discurso: “Eu sou candidato à Presidência da República”. A publicação afirma que o vice-presidente disse ainda que a trincheira na busca pela Presidência exige unidade do partido. “Estou trabalhando pela grande unidade do PMDB”, disse, diante do auditório lotado de lideranças que fazem oposição ao PT no Acre.

Logo após o jornal publicar a matéria, uma nota de esclarecimento foi divulgada pela assessoria de imprensa da vice-presidência afirmando que Temer teria dito que o PMDB terá candidato à Presidência da República em 2018 e não que ele próprio seja candidato.

Aprenda a investir na bolsa