Senado aprova convite para Mantega esclarecer interferências do Governo na Vale

Comissão de Assuntos Econômicos aprova pedido do senador Cyro Miranda, mas data da audiência pública ainda não foi marcada

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A CAE (Comissão de Assuntos Econômicos) aprovou nesta terça-feira (5) o requerimento do senador Cyro Miranda, do PSDB de Goiás, que previa o convite para que o ministro da Fazenda, Guido Mantega, preste esclarecimentos sobre assuntos ligados à mineradora Vale (VALE3, VALE5), informou a Agência Senado.

Entre os temas discutidos, está incluída uma possível interferência do governo na escolha de um novo presidente para a companhia. A data da audiência pública ainda não foi agendada pela CAE. Além disso, o requerimento aprovado nesta data será anexado em um outro documento, elaborado pelo senador Francisco Dornelles, do PP do Rio de Janeiro, e aprovado no início do último mês, o qual convida Mantega a prestar informações sobre a economia brasileira e as perspectivas do Governo para este ano.

Vale e o Governo
A discussão da relação entre a Vale e o governo se intensificaram no último dia 23, quando o deputado Mendonça Filho, do Democratas, solicitou que o ministro da Fazenda fosse trazido à Comissão de Fiscalização Financeira e de Controle da Câmara depois que surgiram notícias de que o ministro teria se encontrado com a direção do Bradesco para discutir a retirada de Roger Agnelli do comando da mineradora. Apesar de não ser estatal, a Vale tem em seu bloco de controle o BNDESpar e a Previ, o que dá ao Governo, indiretamente, certa influência na mineradora. 

Aprenda a investir na bolsa