Recesso branco: congresso não deve votar nenhuma medida até 1º de outubro

Políticos estarão ausentes de suas atribuições, envolvidos em campanhas; cortes nos salários, entretanto, não estão previstos

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Devido ao chamando recesso branco, período em que os congressistas se afastam dos trabalhos legislativos para se dedicarem às campanhas eleitorais, o congresso nacional não deve votar nenhuma medida nos próximos 20 dias.

Isso ocorre porque os parlamentares estarão ausentes de suas atribuições envolvidos em campanhas de reeleição e disputa de novos cargos, ou ajudando partidários-candidatos.

Segundo informações do Diap (Departamento Intersindical de Análise Parlamentar), apenas três senadores e 15 deputados não são candidatos a algum cargo eletivo nas próximas eleições.

Sem descontos no fim do mês

Aprenda a investir na bolsa

A despeito das ausências esperadas, não estão previstos cortes nos salários dos congressistas que eventualmente se ausentarem dos trabalhos legislativos para fazer campanha.