AO VIVO Acompanhe a Maratona Full Trader e faça da bolsa sua nova fonte de renda

Acompanhe a Maratona Full Trader e faça da bolsa sua nova fonte de renda

Análise

“O Bolsa Família vai acabar?” Buscas sobre fim do programa se espalham nas redes com fala de Paulo Guedes

Movimento ocorre um mês após o presidente Jair Bolsonaro anunciar a criação do pagamento de 13º salário às famílias beneficiárias do programa e em meio à crise na Educação

SÃO PAULO – Enquanto o presidente Jair Bolsonaro (PSL) enfrentava as primeiras manifestações de rua contra uma medida de seu governo desde que tomou posse, nas redes sociais um segundo fluxo de informação ameaçava somar-se ao “tsunami da educação” e elevar o clima de instabilidade política.

Segundo levantamento feito pela Bites, consultoria especializada no monitoramento de plataformas digitais, ontem (15) houve um aumento nas buscas sobre a possibilidade de o governo encerrar o programa Bolsa Família.

Fonte: Google Trends

Nos últimos sete dias, as consultas em ascensão eram: “o bolsa família vai acabar em 2019”, “bolsa família para em setembro” e “paulo guedes bolsa família”.

Fonte: Google Trends

“A propagação desse assunto pode ser mais preocupante para o governo, porque envolve uma massa expressiva de quase 50 milhões de pessoas”, observa Manoel Fernandes, diretor da Bites. O movimento ocorre um mês após o presidente Jair Bolsonaro anunciar a criação do pagamento de 13º salário às famílias beneficiárias do programa.

O levantamento mostra que, em uma escala de 0 a 100, o interesse médio no Google para o Bolsa Família no Brasil ontem ficou em 45. Em dez estados, sendo nove na Região Nordeste, o número foi superior a 50, alcançando 100 no Ceará e 99 na Paraíba.

Fonte: Google Trends

O gatilho da tendência foi disparado na terça-feira (14), dia em que o ministro Paulo Guedes (Economia) participou de audiência pública na CMO (Comissão Mista de Orçamento) do Congresso Nacional. Na ocasião, o ministro afirmou que, caso deputados e senadores não aprovem crédito suplementar de R$ 284 bilhões, o governo terá dificuldades em fechar as contas para pagamentos do INSS e de beneficiários do Bolsa Família.

PUBLICIDADE

“Não é o governo. O Congresso, ao não aprovar, travou. Porque se vocês não derem crédito, a despesa não pode ser feita. Então, o Congresso resolveu travar o Bolsa Família, travar o Plano Safra, travar os benefícios de prestação continuada, travar os pagamentos do INSS”, afirmou Guedes aos deputados.

No Twitter, porém, as postagens sobre a possibilidade do fim do programa foram reduzidas, em função de as atenções terem se voltado aos protestos contra a decisão do Ministério da Educação de contingenciar 30% dos recursos de seu orçamento discricionário, com impactos vão da educação infantil à pós-graduação.

Precedente

Boatos sobre o Bolsa Família já provocaram ondas de pânico em outras gestões. Um dos mais famosos foi propagado em maio de 2013, durante o governo Dilma Rousseff. A onda levou milhares de pessoas a lotéricas e agências da Caixa Econômica Federal para sacarem seus benefícios. À época, a presidente chamou o autor da notícia falsa de “absurdamente desumano” e “criminoso”.

Insira seu e-mail abaixo e receba com exclusividade o Barômetro do Poder, um estudo mensal do InfoMoney com avaliações e projeções das principais casas de análise política do país:

[hubspot formid=”d8e08d8d-2903-4e66-a4a4-1e6812a093f0″]