Rejeição diminuiu

Moreira Franco: Ibope mostra que 44% se dizem contra reforma da Previdência

Segundo o ministro, a pesquisa - feita entre 25 e 29 de janeiro - mostra ainda que 63% dos entrevistados concordam que servidores públicos e funcionários privados devem ter as mesmas regras previdenciárias

O ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco, usou o Twitter para antecipar o resultado de uma pesquisa Ibope, contratada pela Presidência da República, para avaliar a aceitação da reforma da Previdência pela população. “Pesquisa Ibope, concluída ontem (segunda-feira), mostra pela primeira vez que menos da metade dos entrevistados (44%) se dizem contrários à reforma da Previdência proposta pelo presidente Michel Temer”, escreveu Moreira. Eles classificou a informação como “boa notícia”. A pesquisa ainda não foi divulgada na íntegra.

Quer montar um portfólio de ações? Clique aqui e se inscreva no curso “Como Montar uma Carteira de Ações Vencedora”

Segundo o ministro, a pesquisa – feita entre 25 e 29 de janeiro – mostra ainda que 63% dos entrevistados concordam que servidores públicos e funcionários privados devem ter as mesmas regras previdenciárias. “Ou seja: igualdade de direitos para todos. Seguimos em frente na luta contra privilégios, pelo bem do Brasil e dos brasileiros”, afirmou.

PUBLICIDADE

Moreira Franco disse ainda que as pessoas “estão se convencendo, cada vez mais, de que a reforma acabará com os privilégios de quem ganha muito e trabalha pouco, além de garantir investimentos em saúde e educação”.