MDS informa que Bolsa Família para jovens entre 16 e 17 anos entra em vigor

Extensão do programa tem como objetivo reduzir a desigualdade no país; receita aumentou cerca de R$ 34,7 milhões

SÃO PAULO – Com o objetivo de reforçar o combate à desigualdade social no Brasil, o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) informou que a partir segunda-feira (17) o Programa Bolsa Família passará a beneficiar adolescente entre 16 e 17 anos.

Segundo as normas do programa, para se receber o auxílio, a renda per capita deve ser de até R$ 120 por família. O valor pago a cada adolescente beneficiado será de R$ 30, limitado a dois jovens da faixa etária por família. Além disso, a ajuda pode ser bloqueada caso o jovem não compareça a pelo menos 75% das aulas.

Aumento na verba

De acordo com o MDS, a receita mensal destinada ao programa deverá ser de R$ 900,4 milhões, o que representa um aumento de aproximadamente R$ 34,7 milhões. Adicionalmente, o órgão informou que até o dia 31 de março cerca de 1,15 milhão de adolescente receberão o benefício.

PUBLICIDADE

Por fim, a secretária nacional de Renda de Cidadania do ministério, Rosani Cunha, afirmou que o aumento na verba não possuiu nenhum tipo de caráter eleitoreiro. E ainda ressaltou que o aperfeiçoamento do programa tem como objetivo a permanência dos jovens na escola.