Marcos do Val se licencia do mandato e será substituído na CPMI

Assessoria de Imprensa divulgou nota comunicando que o parlamentar pediu licença do Senado por orientação médica

Agência Senado

O senador Marcos do Val (Podemos-ES) se pronuncia da tribuna no plenário (Foto: Geraldo Magela/Agência Senado)

Publicidade

O senador Marcos do Val (Podemos-ES) licenciou-se da atividade parlamentar e será substituído pelo senador Marcos Rogério (PL-RO) na CPMI que investiga os atos de 8 de janeiro.

Nesta quarta-feira (21), a Assessoria de Imprensa de Marcos do Val divulgou nota comunicando que o parlamentar pediu licença do Senado por orientação médica. Na segunda (19), Marcos do Val discursou no Plenário e apresentou sua defesa em relação às acusações feitas em investigação da Polícia Federal.

Veja a nota na íntegra:

Comunicado à imprensa e aos capixabas

Continua depois da publicidade

Na noite da terça-feira, 20 de junho, o senador Marcos do Val teve um mal-estar em seu gabinete e foi atendido pelo serviço médico do Senado Federal. Na ocasião, foi aconselhado pela junta médica a licenciar-se IMEDIATAMENTE das suas atividades parlamentares e cuidar de sua saúde. Enquanto o senador estiver licenciado, o seu gabinete continuará aberto e funcionando normalmente.

A sua atuação combativa na CPMI dos atos de 8 de janeiro também não será comprometida, pois a condição estabelecida pelo senador Marcos do Val para licenciar-se foi ser substituído como titular pelo ilustre senador Marcos Rogério (PL-RO), que mesmo não sendo do seu partido, que é detentor da vaga na CPMI, é conhecido pela defesa dos ideais conservadores e do Brasil. O senador Marcos do Val não tem dúvidas de que a atuação do senador Marcos Rogério dará continuidade ao trabalho ferrenho que realizou para que a CPMI fosse, enfim, instalada.

O senador Marcos do Val buscará restabelecer a sua saúde o mais breve possível, para então voltar às suas atividades parlamentares com ânimo e combatividade renovados.

Assessoria de Imprensa

Newsletter

Infomorning

Receba no seu e-mail logo pela manhã as notícias que vão mexer com os mercados, com os seus investimentos e o seu bolso durante o dia

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.