Japão pede ao Irã uma solução pacífica para os protestos

Para ministro das Relações Exteriores do Japão, diferenças de opinião devem ser respeitadas e conflitos devem acabar

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O governo do Japão pediu ao Irã que encontre uma solução pacífica para os protestos que têm ocorrido no país desde o resultado das eleições para presidente.

O ministro das Relações Exteriores japonês, Hirofumi Nakasone, afirmou estar preocupado com a possibilidade de que o número de mortos nos conflitos tenha aumentado. Para ele, uma situação que causa vítimas deve ser evitada.

Monitoramento

Nakasone também ressaltou que o Japão irá monitorar os acontecimentos no Irã, até que sejam resolvidos. O ministro também ressaltou que as diferenças de opiniões devem ser respeitadas.

Aprenda a investir na bolsa

Os protestos e conflitos no Irã tiveram início após a divulgação do resultado das eleições presidenciais de 12 de junho. Muitos afirmam que os votos foram fraudados, comprometendo o seu resultado.