Política

Guedes: “Não tenho pretensão de ser coordenador político da reforma”

"Vocês viram meu desempenho (na audiência da Comissão de Constituição e Justiça). Não tenho temperamento para isso"

arrow_forwardMais sobre
Paulo Guedes
(Jefferson Rudy/Agência Senado)

Brasília – O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse não ter a pretensão de ser o coordenador político da reforma da Previdência. “Vocês viram meu desempenho (na audiência da Comissão de Constituição e Justiça). Não tenho temperamento para isso”, afirmou, arrancando risos da plateia.

Durante o evento “E Agora Brasil?” para discutir os 100 primeiros dias do governo, realizado pelos jornais Valor e O Globo, Guedes disse que o clima é extraordinariamente construtivo com os presidentes da Câmara e Senado e lembrou que o próprio ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, tem dificuldades na coordenação política porque houve mudança na negociação. “Mudou do varejo para o atacado”, completou.