Em discurso de Natal, Lula pede conciliação aos brasileiros e diz que 2024 será de “colheita”

O presidente fez um balanço positivo do ano, citando o Bolsa Família, o Minha Casa, Minha Vida e a aprovação da reforma tributária

Reuters

Brasília, 26/09/2023 O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, o vice-presidente e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, Geraldo Alckmin, e a ministra da Saúde, Nisia Trindade, apresentam as estratégias para fortalecimento do Complexo Econômico e Industrial da Saúde Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/ Agência Brasil

Publicidade

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu neste domingo, em discurso de Natal, a união entre os brasileiros, dizendo que ela ainda não foi recuperada, e afirmou que 2024 será um ano de “colheita” de resultados após medidas tomadas em 2023 pelo governo.

“Fomos capazes de restaurar as vidraças em tempo recorde”, disse Lula, em referência aos ataques contra as sedes dos Três Poderes em Brasília por partidários radicais do ex-presidente Jair Bolsonaro em 8 de janeiro. “Mas falta restaurar a paz e a união entre amigos e familiares”, acrescentou.

“Meu desejo neste fim de ano é que o Brasil abrace o Brasil. Somos um mesmo povo e um só país”, afirmou Lula, em discurso gravado e distribuído em redes de televisão, rádio e na internet.

Oferta Exclusiva para Novos Clientes

Jaqueta XP NFL

Garanta em 3 passos a sua jaqueta e vista a emoção do futebol americano

Lula foi eleito para um terceiro mandato em 2022, batendo Bolsonaro no segundo turno, em uma eleição apertada. A aprovação do governo federal, porém, segue estável, ao redor da casa dos 38%, segundo pesquisas de Datafolha e Ipec divulgadas neste mês, o que sinaliza uma continuação da polarização política no país já há alguns anos.

No discurso, Lula também fez um balanço positivo de seu primeiro ano no novo mandato, citando nominalmente diversas medidas de governo, como o Bolsa Família, o Minha Casa, Minha Vida e a aprovação pelo Congresso Nacional da reforma tributária, que ocorreu agora em dezembro.

Ele também disse que a inflação está sob controle e mencionou a queda do dólar ante o real e o fato de a bolsa de valores ter batido recordes, em referência ao índice Ibovespa, que renovou máximas históricas neste mês.

Continua depois da publicidade

” (O ano de) 2023 foi o tempo de plantar e de reconstruir”, disse Lula. “Aramos o terreno, lançamos as sementes, aguamos todos os dias, cuidamos com todo o carinho do Brasil e do povo brasileiro. Criamos todas as condições para termos uma colheita generosa em 2024.”

Newsletter

Infomorning

Receba no seu e-mail logo pela manhã as notícias que vão mexer com os mercados, com os seus investimentos e o seu bolso durante o dia

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.