Perseguição?

Defesa de Lula apresenta na ONU documentos de “novos abusos” cometidos contra ex-presidente

Conforme conta reportagem d'O Estado de S. Paulo, o informe será entregue pelo advogado Geoffrey Robertson ao Comitê de Direitos Humanos das Nações Unidas

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva retornarão à ONU (Organização das Nações Unidas) nesta semana para apresentar novas informações e documentos que possam reforçar a tese de que está em curso no Brasil um processo nos tribunais que não atende ao estado de Direito democrático. As informações são do jornalista Jamil Chade, d’O Estado de S. Paulo.

Conforme conta a reportagem, o informe será entregue pelo advogado Geoffrey Robertson ao Comitê de Direitos Humanos das Nações Unidas. Em convocação de coletiva de imprensa, a defesa do ex-presidente diz que a ONU “aceitou” a petição inicial e que agora os advogados entregarão as respostas finais às perguntas dos peritos e evidências de “novos abusos cometidos” contra seu cliente.

A matéria lembra, no entanto, que a entidade já deixou claro que apenas avalia se a ONU tem o direito ou não de examinar e fazer recomendações. Segundo a entidade, o caso é confidencial e pode levar dois anos para ser examinado.

Aprenda a investir na bolsa