Confiança do brasileiro em serviços bancários diminui 3 pontos percentuais em 2010

De acordo com levantamento, a avaliação de confiança nos bancos passou de 61% em 2009 para 58% este ano

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A confiança dos brasileiros nos serviços bancários diminuiu três pontos percentuais entre 2009 e 2010, segundo revela o Índice de Confiança Social, medido pelo Ibope Inteligência, divulgado na última terça-feira (21).

De acordo com o levantamento, a avaliação de confiança nos bancos passou de 61% em 2009 para 58% este ano. O número é 14 pontos percentuais menor do que o apurado em Porto Rico, por exemplo. Contudo, é três pontos maior do que o verificado na Argentina.

Confiança Social
Medido desde 2009 pelo Ibope Inteligência, o Índice de Confiança Social tem o objetivo de acompanhar, como um termômetro, as oscilações na relação de confiança da população com as instituições e também com as pessoas de seu convívio social.

Aprenda a investir na bolsa

Neste ano, ele alcançou a média de 60%, mesmo percentual apurado no ano passado. As maiores altas se deram na confiança no sistema eleitoral, que variou sete pontos percentuais, de 49% para 56%; e no governo federal, aumento de 6 p.p., de 53% para 59%. Os meios de comunicação, por outro lado, apresentaram a maior queda, de quatro pontos percentuais, ao sair de 71% para 67%.

“O dado reflete os impactos do ano eleitoral na sociedade brasileira, com todas as campanhas veiculadas pela Justiça Eleitoral, sempre reforçando a credibilidade do sistema. Entretanto, o índice está apenas na média entre as demais instituições avaliadas, havendo ainda muito espaçõ para aumentar sua confiabilidade”, avaliou a diretora executiva de marketing e novos negócios do Ibope Inteligência, Laure Castelnau.