Beneficiadas pela força do dólar, exportadoras fecham em alta na Bovespa

Papéis de Vale, CNS, Klabin, Aracruz e Embraer resistiram à tendência de queda e tiveram valorização na sessão

SÃO PAULO – Os destaques positivos na Bolsa de Valores nesta terça-feira ficaram com as exportadoras, lideradas por Aracruz, Embraer, CSN, Vale e Klabin, cujos papéis reagiram à forte
alta do dólar na sessão.

Com a saída de Antonio Palocci do Ministério da Fazenda e a escolha do ex-presidente do BNDES Guido Mantega para assumir o posto, o mercado refletiu as indefinições com o rumo da política econômica brasileira e o dólar fechou em forte alta.

Dólar subiu e garantiu alta de exportadoras

As ações das companhias exportadores resistiram à tendência de queda da Bolsa, suportadas pela alta de quase 2% no dólar comercial, que trouxe boas perspectivas para as vendas derivadas do comércio exterior.

PUBLICIDADE

Liderando o grupo, os papéis ordinários da Aracruz fecharam em alta de 3,60%, seguidos dos preferenciais da Embraer, com alta de 1,62%. Já os ordinários da CSN subiram 0,76%, os preferenciais da Klabin encerraram em alta de 1,26% e os ordinários da Vale tiveram valorização de 0,70%.