MBL

Articulador de protesto contra Dilma sofre acidente em Goiás

Nas redes sociais, o líder do Movimento Brasil Livre, Renan Santos, pediu todo o apoio a Kim Kataguiri, que foi atropelado na BR-060

SÃO PAULO – Um dos líderes do Movimento Brasil Livre que foi às ruas nos protestos de 15 de março e 12 de abril para protestar contra o governo da presidente Dilma Rousseff (PT), sofreu acidente neste sábado (23). Kim Kataguiri, de 19 anos, participava de marcha contra o governo quando um choque entre dois veículos na BR-060, no entorno do Distrito Federal, deixou ele e uma jovem identificada como Amanda, de 28 anos, feridos. 

Amanda foi levada ao Hospital de Urgência de Anápolis (Huana), de acordo com informações do portal de notícias G1, sendo prontamente socorrida e seu estado de saúde encontra-se regular. Apesar da polícia afirmar que Kim também foi levado ao hospital, o Huana teria negado a informação. 

O motorista da uma caminhonete Chevrolet S-10 que se chocou com um Chevrolet Corsa, que por sua vez foi arremessado em direção aos manifestantes, estava embriagado, com 0,67 miligramas de álcool por litro de ar, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal. 

PUBLICIDADE

Na página de Facebook do Movimento Brasil Livre, Renan Santos, outro líder dos manifestantes gravou uma nota oficial na qual diz que o motorista estava dirigindo com o dobro de teor alcoólico permitido por lei e que “por sorte, atingiu outro carro e não diretamente as pessoas que participavam da marcha”. 

“Gostaria de lembrar a todos que esta marcha é perigosa e não é a primeira vez que a gente corre risco de vida. Nosso objetivo é chegar em Brasília para protocolar no dia 27 o pedido de impeachment e nós não vamos parar, nós vamos continuar indo e pedimos a todos que enviem força e apoio ao Kim Kataguiri”, diz a nota. 

Nas redes sociais foram ventilados boatos de que o motorista que causou o acidente fosse José Lino, líder do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra), o que não ficou comprovado e até agora permanece como objeto de mera especulação.