Pesquisa

Aécio é visto como mais agressivo na campanha eleitoral do que Dilma, aponta Datafolha

Para 36% dos eleitores, o tucano é considerado o candidato mais agressivo neste segundo turno, ante 24% que consideram Dilma mais agressiva; ataques do PT ao candidato devem continuar

SÃO PAULO – Apesar dos ataques ostensivos de ambas as partes, o candidato Aécio Neves (PSDB) foi visto como o mais agressivo na corrida presidencial, segundo o Datafolha apresentado na madrugada desta quarta-feira (22) e que foi a campo no último dia 21. 

Para 36% dos eleitores, o tucano é considerado o candidato mais agressivo neste segundo turno, ante 24% que consideram Dilma mais agressiva. No total, 71% dos eleitores disseram não concordar com a “beligerância” no segundo turno, avaliando que a agressividade não faz parte da disputa. Já 27% afirmam que a agressividade faz sim parte da disputa.

Porém, pelo menos da parte do PT, os ataques tendem a continuar, ressalta a Folha de S. Paulo em sua análise do Datafolha. A campanha de Dilma atribui o resultado da pesquisa que mostrou a candidata numericamente à frente ao ataques sobre a vida pessoal e à experiência administrativa do tucano.

PUBLICIDADE

Enquanto isso, os tucanos avaliam que houve uma queda devido aos boatos espalhados pela campanha petista e também pelo agravamento da crise hídrica em São Paulo, tema que deve continuar sendo explorado pelo PT. Já dentre os boatos, estão diferentes mensagens espalhadas que vinculam o tucano a álcool e drogas e ao fim de programas sociais.