Debate na Record

Aécio diz que Dilma faz terrorismo com bancos públicos; ela rebate: “quem faz é o Armínio”

O senhor quer cantar de galo e não sabe aonde Quem faz terrorismo é o seu candidato a ministro da Fazenda

SÃO PAULO – O candidato à presidência pelo PSDB Aécio Neves fez uma pergunta à Dilma Rousseff destacando que campanha de Dilma tem feito um grande terrorismo em relação às propostas sobre os bancos públicos. E questionou: “é justo que a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil estejam deixando de receber recursos para pagar em dia benefícios sociais?”.

Dilma diz que a relação do governo com os bancos públicos é grande, e que eles tiveram seus lucros ampliados, juros diminuídos e a inadimplência reduzida.  Dilma voltou a falar sobre o ministro da fazenda caso Aécio ganhe, Armínio Fraga,  dizendo que ele iria diminuir a participação dos bancos públicos. Ela destacou o BNDES como fomento para empresas, o Banco do Brasil no agronegócio, e a Caixa que financia programas habitacionais.

Aécio disse na tréplica que quer se dirigir aos funcionários do Banco do Brasil e da Caixa: “Eles serão fortalecidos no nosso governo”, afirmou, e que irá profissionalizar os Bancos e prestigiar os funcionário de carreira.

PUBLICIDADE

Dilma afirmou que quem faz terrorismo é Armínio Fraga, quando diz que não sabe onde vai acabar os bancos públicos, e assim, assusta os funcionários.