Em petrobras

ANP descarta aumento de mistura de etanol na gasolina em 2012

Baixa oferta do biocombustível impede aumento na mistura, que está em 20%, depois de ser reduzida de 25% no ano passado

bomba de gasolina - carros - combustível
(Getty Images)

SÃO PAULO - Um aumento na mistura de etanol na gasolina neste ano é improvável devido à baixa oferta do biocombustível no mercado brasileiro, disse nesta quinta-feira o diretor da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) Alan Kardec.

A autoridade da ANP fez a afirmação antes do início de um evento no Rio de Janeiro e não entrou em detalhes.

Atualmente, a mistura está em 20 por cento. Ela foi reduzida ante 25 por cento em outubro do ano passado, em meio à queda na safra de cana.

Nesta temporada, os estoques do produtos continuam restritos, com a safra tendo um início mais lento e também por chuvas atípicas que afetaram a moagem do centro-sul em junho.

O aumento da mistura de etanol na gasolina é visto como alternativa para a Petrobras (PETR3, PETR4) reduzir as suas importações do combustível fóssil.

Neste ano, a moagem de cana do centro-sul está estimada em 510 milhões de toneladas, uma ligeira alta na comparação com a safra anterior, quando a região teve a primeira queda na produção em 11 anos.

 

Contato