Marketing político digital agora pode ser aprendido em casa

Curso “Marketing político e eleitoral: a vez do digital“ tem agora a sua versão online programada para 15 de junho. O conteúdo, organizado por Marcelo Vitorino, professor de marketing digital da ESPM e do IESB, foi distribuído em 18 módulos, com mais de 90 aulas, exercícios, conteúdos complementares e certificação. O curso aborda os três pilares de uma campanha política na web: política, comunicação e tecnologia.

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores

Publicidade

Cerca de 480 mil candidatos enfrentarão as eleições mais concorridas desde a redemocratização do Brasil. A reforma eleitoral reduziu o tempo de televisão, encurtou a campanha e eliminou as doações corporativas das campanhas políticas. Com esse cenário a internet pode surgir como o principal meio de comunicação entre candidatos e eleitores.

Depois de fazer parte de diversas campanhas políticas, como as de Gilberto Kassab, Orestes Quércia, José Serra, para ajudar políticos e candidatos a enfrentar este desafio é que Marcelo Vitorino, professor da ESPM, lançará dia 15 de junho o curso a distância “Marketing Político e Eleitoral: a vez do digital”.

“Organizamos na ESPM duas turmas do curso presencial de marketing político, uma em São Paulo e outra em Brasília. Nos dois casos, as inscrições superaram as expectativas e as aulas tiveram presença de profissionais de marketing, assessores e políticos de todo o país”, afirma Marcelo Vitorino. “Agora, com o ensino a distância, poderemos chegar a todo o território nacional”.

Continua depois da publicidade

O curso completo tem 18 módulos, com mais de 90 aulas, que podem ser adquiridos por pacotes, de acordo com a área de conhecimento desejada. Há pacotes para planejamento, produção de conteúdo, monitoramento e até para combate ao jogo sujo na internet.

Além dos módulos, os alunos são convidados a integrar um grupo exclusivo para poderem tirar dúvidas e compartilhar experiências. E também compõe o curso um encontro semanal, online, com o professor, para dúvidas em tempo real. Cada módulo é composto por aulas de até 15 minutos, indicações de materiais complementares e um teste de conhecimentos.

Até 15 de junho, data do lançamento oficial do curso, o valor do programa completo está com desconto de 30%, ficando em R$ 903,00, podendo ser parcelado em até 12 vezes.

Segundo Vitorino, para que as campanhas possam realmente usar a internet para mobilizar militantes e eleitores, será necessário que os profissionais deixem de lado alguns dogmas sobre o modo de fazer campanhas até hoje. “Colocar conteúdo no Facebook não é o mesmo que fazer campanha política na internet. Os fãs pouco significam na hora de contar votos. É preciso pensar a comunicação com o eleitor de acordo com o que as ferramentas digitais da internet.”.

Ainda sobre o uso equivocado das redes, Vitorino alerta para problemas que impossibilitem a campanha: “Caso o candidato e sua equipe não conheçam bem os caminhos, poderão transgredir a lei, causando até a impugnação de sua candidatura. Os casos de patrocínio de publicações se encaixam nessa possibilidade”.

O curso trabalha três aspectos fundamentais de uma campanha: política, comunicação e tecnologia e, durante a pré-venda, pode ser adquirido no site: http://prevenda.presencaonline.com/
Website: http://prevenda.presencaonline.com/

Tópicos relacionados