Tesouro lança novo extrato aos investidores

Documento traz detalhes como valor inicial de aplicação, montante referente ao Imposto de Renda e ao IOF e taxas devidas à instituição financeira

SÃO PAULO – O Tesouro Nacional e a BM&F Bovespa lançaram nesta sexta-feira (13) novo extrato ao investidor do Tesouro Direto.

O documento disponibiliza detalhes das aplicações, como o preço dos títulos adquiridos e as taxas contratadas pelo investidor no momento da compra. Além disso, traz informações como os valores iniciais de aplicação, os valores referentes ao Imposto de Renda e ao IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) e taxas devidas à BM&F Bovespa e à instituição financeira.

O acesso ao extrato deve ser feito pelo site da instituição financeira, caso ela tenha sistema integrado, ou pelo site do Tesouro Direto (www.tesouro.fazenda.gov.br/tesouro_direto), com senha. O documento poderá ser visualizado na tela, impresso e exportado para planilhas eletrônicas.

Aplicações

O novo extrato ainda trará informações sobre a rentabilidade bruta da aplicação para diferentes períodos: em um determinado mês ou ano, nos últimos 12 meses e também no acumulado desde a data da compra.

As informações estarão disponíveis por título e compra, separadas por instituições financeiras. Com isso, o investidor terá acesso aos dados referentes a impostos, taxas devidas, valores investidos e rentabilidade para cada compra, o que significa que ele poderá fazer distinção entre títulos iguais, porém adquiridos em períodos diferentes.