Renda fixa

Tesouro Direto: confira os preços e as taxas dos títulos públicos nesta terça-feira

Investidores monitoram cena política e vacinação no Brasil; nos EUA, foco recai sobre discurso de Janet Yellen e resultados corporativos

SÃO PAULO – As taxas pagas pelos títulos públicos negociados via Tesouro Direto operam próximas da estabilidade na manhã desta terça-feira (19), no primeiro dia de reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), do Banco Central.

A expectativa, segundo o relatório Focus, do BC, mais recente, é pela manutenção da taxa básica de juros no patamar atual, de 2% ao ano. A decisão sai amanhã, às 18h30.

O título indexado à inflação com vencimento em 2026 pagava uma taxa anual de 2,70% na abertura dos negócios, ante 2,71% no último pregão. O prêmio oferecido pelo mesmo papel com prazo em 2045, por sua vez, era de 3,58% ao ano, ante 3,57% anteriormente.

Entre os com retorno prefixado, o papel com vencimento em 2023 pagava um prêmio anual de 5,14% nesta manhã, ante 5,12% no pregão anterior. Já a taxa oferecida pelo mesmo papel com juros semestrais e prazo em 2031 se mantinha em 7,37% ao ano.

Confira os preços e as taxas dos títulos públicos nesta terça-feira (19):

Fonte: Tesouro Direto

Vacinação no Brasil

No Brasil, as atenções recaem hoje sobre a vacinação contra a Covid-19 e também sobre a cena política.

No noticiário de coronavírus, depois de São Paulo, outras 15 unidades da federação iniciaram ontem suas campanhas de vacinação usando o imunizante CoronaVac, desenvolvido pela farmacêutica chinesa Sinovac, que tem como parceiro no Brasil o Instituto Butantan.

De 6 milhões de doses do imunizante, cerca de 1,357 milhão ficarão em São Paulo, e o restante será distribuído para as outras unidades da federação.

PUBLICIDADE

Ontem, o ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, foi questionado sobre as 2 milhões de doses do imunizante desenvolvido pela Universidade de Oxford e pela farmacêutica AstraZeneca, que o Brasil pretendia importar na Índia, mas que foram retidos no país por determinação do governo indiano.

O ministro não definiu um prazo para a obtenção do imunizante, que teve seu uso aprovado no Brasil pela Anvisa no domingo. Pazuello alegou que a diferença de fuso horário dificulta as negociações.

Na cena política, reportagem do jornal O Estado de S. Paulo aponta que o ministro da Economia Paulo Guedes aposta na vitória de Arthur Lira (PP-AL) para a presidência da Câmara para emplacar seu imposto sobre transações financeiras, visto que o parlamentar já se manifestou favorável à proposta no passado.

De acordo com o jornal, Bolsonaro já teria sinalizado positivamente para uma alíquota de 0,1% e depois voltado atrás, enquanto o candidato Baleia Rossi (MDB-SP) rechaça a proposta.

Na agenda de indicadores domésticos, o Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) da segunda quadrissemana de janeiro desacelerou para 0,52%, de 0,79% na quadrissemana anterior.

Cena externa

Já no ambiente internacional, na volta do feriado nos Estados Unidos, as expectativas ficam por conta do discurso de Janet Yellen, indicada pelo presidente eleito Joe Biden para a secretaria do Tesouro dos EUA.

Yellen participará do Comitê de Finanças do Senado e deve destacar a importância do programa de estímulos de US$ 1,9 trilhão do governo americano proposto por Biden na semana passada.

Os investidores também acompanham a divulgação de resultados corporativos, referentes ao quarto trimestre, como dos bancos Bank of America e Goldman Sachs, além da Netflix.

PUBLICIDADE

Na Alemanha, a chanceler Angela Merkel deve acertar com líderes regionais do país a ampliação do lockdown para a maioria das lojas e das escolas até meados de fevereiro como parte de um pacote de medidas para tentar conter o novo coronavírus. As conversas estão marcadas para esta terça-feira (19).

As novas infecções têm caído nos últimos dias, e a pressão sobre as unidades de terapia intensiva (UTIs) diminuiu, mas virologistas estão preocupados com a disseminação de uma variante mais transmissível do vírus. De acordo com reportagem do jornal Bild, é provável uma prorrogação por duas semanas”. O lockdown atual vai até 31 de janeiro.

Já o presidente do Eurogrupo, Paschoal Donohoe, pediu às autoridades da União Europeia (UE) mais estímulos fiscais para combater crise econômica trazida pela covid-19. Em coletiva de imprensa ontem, Donohoe reconheceu que o atual nível de estímulos fiscais e monetários é sem precedentes, mas alertou para a necessidade de ampliar ainda mais a política expansionista diante da gravidade da situação.

Quer fazer da Bolsa sua nova fonte de renda em 2021? Série gratuita do InfoMoney mostra o passo a passo para se tornar um Full Trader – clique para assistir!