Renda fixa

Taxas do Tesouro Direto sobem de olho no Copom; confira novos valores

Apesar do consenso do mercado estimar a manutenção da taxa Selic em 6,5% ao ano, alguns acreditam que o "novo BC" pode retomar o movimento de corte de juros nas próximas reuniões

(Shutterstock)

SÃO PAULO – As taxas dos títulos do Tesouro Direto seguem em alta na tarde desta “super quarta-feira” (20), de olho na primeira reunião do Copom (Comitê de Política Monetária) de Roberto Campos Neto, novo presidente do Banco Central, e no noticiário político de proposta da reforma da Previdência para militares.

Apesar do consenso do mercado estimar a manutenção da taxa Selic em 6,5% ao ano, alguns acreditam que o “novo BC” pode retomar o movimento de corte de juros nas próximas reuniões. O InfoMoney conversou com alguns economistas para entender quais as expectativas para esta primeira reunião de Campos Neto; confira aqui.

Pela manhã, apresentaram alta os juros futuros intermediários e longos; apenas os curtíssimos seguem estáveis. Os contratos de juros futuros com vencimento em janeiro 2021, por exemplo, sobem 6 pontos base, a 6,96%, o DI com vencimento em janeiro de 2023 também sobe 6 p.b., a 8,02%. Já o DI com vencimento em janeiro de 2025 sobe 7 pontos base, a 8,56%.

PUBLICIDADE

O Tesouro IPCA+ com juros semestrais e vencimento em 2050 (antiga NTN-B), por exemplo, remunera o IPCA (índice que mede a inflação do país) mais 4,36% ao ano, contra 4,34% a.a. na tarde da última terça-feira (19). O investidor pode adquirir o título integralmente por R$ 4.083,34 ou aplicar uma quantia mínima de R$ 40,83 (recebendo uma rentabilidade proporcional).

Considerado uma opção de investimento de baixo custo e segura do ponto de vista de risco de crédito (calote do emissor), o Tesouro Direto permite investimentos mínimos de R$ 30.

O investidor pode aplicar diretamente pelo site do Tesouro, se cadastrando primeiro no portal e abrindo a conta em uma corretora, como a Rico Investimentos, por exemplo, para intermediar as transações.

Confira os preços e as taxas dos títulos do Tesouro Direto hoje:

Título VencimentoTaxa de Rendimento (% a.a.)Valor MínimoPreço Unitário
Indexados ao IPCA 
Tesouro IPCA+ 202415/08/20243,91R$51,81R$2.590,78
Tesouro IPCA+ 203515/05/20354,31R$32,29R$1.614,96
Tesouro IPCA+ 204515/05/20454,31R$31,80R$1.060,26
Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais 202615/08/20263,92R$36,17R$3.617,54
Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais 203515/05/20354,20R$39,09R$3.909,47
Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais 205015/08/20504,36R$40,83R$4.083,34
Prefixados 
Tesouro Prefixado 202201/01/20227,42R$32,77R$819,46
Tesouro Prefixado 202501/01/20258,40R$31,38R$627,69
Tesouro Prefixado com Juros Semestrais 202901/01/20298,63R$33,25R$1.108,66
Indexados à Taxa Selic 
Tesouro Selic 202501/03/20250,02R$100,03R$10.003,27