EXPERIMENTE!

Clique e experimente a
versão rápida do

Em onde-investir / renda-fixa

Tenho R$ 40 mil na poupança e quero rendimentos maiores. Onde invisto?

O analista-chefe da Rico Investimentos, Roberto Indech, explicou que, antes de escolher a aplicação ideal, é preciso avaliar qual o objetivo do investimento: curto, médio ou longo prazo

SÃO PAULO - Um investidor do InfoMoney enviou um email (duvidaimtv@infomoney.com.br) contando que acumulou R$ 40 mil em sua conta poupança, mas está em busca de aplicações com rentabilidades maiores. Sua dúvida foi respondida pelo analista-chefe da Rico Investimentos, Roberto Indech, no programa “Como viver de renda fixa da última semana. 

O analista observou que, antes de escolher a aplicação ideal, é preciso avaliar qual o objetivo do investimento: curto, médio ou longo prazo. Para o curto prazo ou fundo de emergências, Indech indica fundos DI de crédito privado com taxas de administração de 0,5% ao ano, CDBs de liquidez diária e Tesouro Selic.

"R$ 40 mil não é pouco dinheiro. Para você que deixa na poupança, saiba que está perdendo todos os dias deixando o dinheiro lá, até porque tem o 'mesversário' . Quando você vai resgatar tem que esperar até a data da aplicação para o dinheiro para não perder a renda naquele mês. [A poupança] não tem a rentabilidade diária", explica Indech.

Veja simulação desses investimentos comparados com a poupança:

Aplicação de R$ 40 mil Resultado livre de impostos em 12 meses* Resultado livre de impostos em 24 meses*  
Poupança R$ 41.877,93 R$ 44.227,51
CDB Pine - JUL/2021 - 123% do CDI R$ 42.921,13 R$ 46.647,97
Quer investir nessas aplicações?
Clique aqui e abra já sua conta na XP Investimentos
Tesouro Selic R$ 42.188,58 R$ 45.022,73
AF Invest Geraes FIRF CP - taxa de adm de 0,50%
Ganho de 117,7% no 1º semestre de 2018
R$ 42.601,91 R$ 45.879,58

*Cálculo feito no simulador do Tesouro Direto em 17 de julho
** Valores com impostos já descontados

Para objetivos de médio e longo prazo, outras opções ainda mais rentáveis estão no radar. Indech sugere CDBs que paguem acima de 110% do CDI, além de LCIs, LCAs. CRIs e CRAs, que ainda são isentos de imposto de renda.

Veja simulação desses investimentos comparados com a poupança:

Aplicação de R$ 100 mil Resultado livre de impostos em 12 meses* Resultado livre de impostos em 24 meses*  
Poupança R$ 41.877,93 R$ 44.227,51
LCI BTG Pactual - JUL/2021
96% do CDI
R$ 42.737,29 R$ 45.981,52
Quer investir nessas aplicações?
Clique aqui e abra já sua conta na XP Investimentos
LCA Original - JAN/2020 97% do CDI R$ 42.765,34 R$ 46.046,06
CRA Sao Martinho - MAR/2023
97,25% do CDI
R$ 42.773,27 R$ 46.063,20
CRI Cyrela - JUN/2022 102% do CDI R$ 42.913,25 R$ 46.382,01

*Cálculo feito no simulador do Tesouro Direto em 17 de julho
** Valores com impostos já descontados

Os investimentos em CDBs, LCIs e LCAs são garantidos pelo FGC (Fundo Garantidor de Crédito). Essa garantia permite que o investidor busque aplicações que pagam um rendimento muito maior com baixo risco de crédito já que, em último caso, se a instituição financeira quebrar, o FGC garante o pagamento aplicações de até R$ 250 mil por instituição e por CPF - até o teto máximo global de R$ 1 milhão pelo período de quatro anos.  

A LCI é um título de renda fixa emitido por um banco com lastro em créditos imobiliários. A LCA é um título de renda fixa emitido por um banco com lastro em empréstimos cedido ao setor do agronegócio. Os rendimentos de ambas podem ser prefixados ou pós fixados - neste caso a rentabilidade dos títulos geralmente está atrelada ao CDI.

Os CRIs são títulos emitidos apenas por companhias securitizadoras de recebíveis imobiliários. Os CRAs são títulos emitidos apenas por companhias securitizadoras de direito creditórios do agronegócio. As rentabilidades podem ser prefixadas ou pós fixadas e atreladas ao CDI ou à inflação. Geralmente, os CRIs e as CRAs só podem ser resgatados no vencimento e não contam com a proteção do FGC.

Por isso, é importante observar o rating atribuído ao título. Nas corretoras, é possível verificar a avaliação das agências de ratings. Tal qual os países são avaliados e recebem uma nota de acordo com seu risco, muitas aplicações também vêm com esse "selo" que ajuda os investidores a escolher os títulos mais seguros. 

Quer fazer esses investimentos? Clique aqui e abra sua conta na XP Investimentos

Contato