Em onde-investir / renda-fixa

Títulos do Tesouro Direto são os melhores investimentos de agosto; alta chega a mais de 5%

Na ponta negativa da tabela, aparece o dólar, com forte queda

reais
(Shutterstock)

SÃO PAULO -  O título do Tesouro Direto Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais com vencimento em 2050 foi o investimento mais rentável do mês de agosto, de acordo com levantamento feito pelo InfoMoney, com alta de 5,48%. Ele é seguido pelo Tesouro IPCA+ com vencimento em 2035 e alta de 4,02% e pelo Tesouro Prefixado com Juros Semestrais com vencimento em 2025 e desempenho positivo de 1,97%.

Na ponta negativa da tabela, o pior investimento do mês foi o ouro, com queda de 4,1%. Ele é seguido pelo Dólar, com recuo de 0,62% e pela poupança, que apresentou valorização de 0,62%.

No acumulado do ano, o melhor investimento é o Tesouro Prefixado com Juros Semestrais e vencimento em 2025, com alta de 35,21%. Na sequência, aparece o Ibovespa, que subiu 33,57%. A seguir, o terceiro melhor investimento é o Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais com vencimento em 2050 e alta de 32,15%.

O pior investimento do ano até agora é o Dólar, que recuou 18,27%. A seguir, aparece o ouro, com desempenho negativo de 0,7% e a poupança, que subiu 5,48%.

 

Confira os melhores investimentos do mês de agosto:

Aplicação Rentabilidade no mês
Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais (15/08/2050) 5,48%
Tesouro IPCA+ (15/05/2035) 4,02%
Tesouro Prefixado com Juros Semestrais (01/01/2025) 1,97%
Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais (15/08/2020) 1,93%
IFIX 1,79%
Tesouro IPCA+ (15/05/2019) 1,26%
Tesouro Selic (07/03/2017) 1,21%
CDI 1,16%
Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais (15/05/2017) 1,14%
Tesouro Prefixado (01/01/2018) 1,11%
Ibovespa 1,03%
Poupança 0,76%
Dólar -0,62%
Ouro -4,10%

Confira os melhores investimentos de 2016:

Aplicação Rentabilidade no ano
Tesouro Prefixado com Juros Semestrais (01/01/2025) 35,21%
Ibovespa 33,57%
Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais (15/08/2050) 32,15%
Tesouro IPCA+ (15/05/2035) 27,93%
IFIX 25,24%
Tesouro Prefixado (01/01/2018) 14,70%
Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais (15/08/2020) 14,18%
Tesouro IPCA+ (15/05/2019) 12,89%
Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais (15/05/2017) 9,46%
CDI 9,15%
Tesouro Selic (07/03/2017) 8,36%
Poupança 5,48%
Ouro -0,70%
Dólar -18,27%

Quer saber mais sobre essa estratégia para ter alta rentabilidade no curto prazo com o Tesouro Direto? Assista vídeo em que o economista Alan Ghani comenta sobre o assunto

 

Contato