Quanto ganhou quem investiu R$ 100 mil nos FIIs que mais pagaram dividendos no ano?

Fundos imobiliários tiveram retorno com dividendos de até 4% nos primeiros três meses do ano

Wellington Carvalho

Publicidade

O FII Cartesia Recebíveis (CACR11) vai encerrar o primeiro trimestre de 2024 como o maior pagador de dividendos do mercado. Entre janeiro e março, a carteira registrou um dividend yield (taxa de retorno com dividendos) de 4,12%.

O dado faz parte de levantamento do InfoMoney com informações da Economatica, que considera apenas os fundos imobiliários que compõem o Ifix – índice dos FIIs mais negociados na Bolsa.

Entre as 104 carteiras monitoradas, 26 tiveram um dividend yield acima de 3% – o que representaria um ganho médio de 1% ao mês no período.

Aula Gratuita

Os Princípios da Riqueza

Thiago Godoy, o Papai Financeiro, desvenda os segredos dos maiores investidores do mundo nesta aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Além do CACR11, outros dois fundos de recebíveis (Títulos e Valores Mobiliários) aparecem como maiores pagadores do trimestre, o Riza Akin (RZAK11) e o Urca Prime Renda (URPR11), com taxas de 3,88% e 3,86%, respectivamente.

Confira a lista dos FIIs que mais pagaram dividendos no primeiro trimestre de 2024

TickerSegmentoDividend Yield – 1º TRI 2024 (%)
CACR11Títulos e Val. Mob.4,12
RZAK11Títulos e Val. Mob.3,88
URPR11Títulos e Val. Mob.3,86
AIEC11Lajes Corporativas3,84
DEVA11Títulos e Val. Mob.3,8
MFII11Desenvolvimento3,74
RZAT11Híbrido3,57
HTMX11Hotel3,45
SADI11Títulos e Val. Mob.3,4
HABT11Títulos e Val. Mob.3,37
Fonte: Economatica

Em valores nominais, quem investiu, por exemplo, R$ 100 mil no CACR11, no final de 2023, teria recebido aproximadamente R$ 4.107 em dividendos nos últimos três meses, de acordo com simulador do InfoMoney.

Continua depois da publicidade

A ferramenta calcula o número de cotas adquiridas com a alocação sugerida, o rendimento com dividendos e a valorização do papel ao longo do período. Além disso, o investidor pode comparar o resultado da aplicação com e sem o reinvestimento dos proventos.

Fonte: InfoMoney

Utilizando o simulador, é possível observar que o investidor que aportou R$ 100 mil nos demais fundos da lista dos maiores pagadores do trimestre teria recebido entre R$ 3.365 e R$ 3.884 ao longo de 2024.

TickerDividend Yield – 1º TRI 2024 (%)Rendimentos recebidos no período
CACR114,12R$ 4.107,25
RZAK113,88R$ 3.884,48
URPR113,86R$ 3.861,72
AIEC113,84R$ 3.843,48
DEVA113,8R$ 3.796,3
MFII113,74R$ 3.741,42
RZAT113,57R$ 3.566,8
HTMX113,45R$ 3.449,02
SADI113,4R$ 3.399,4
HABT113,37R$ 3.365,92
Fonte: Economatica

Os dividendos – ou rendimentos – distribuídos pelos fundos imobiliários são isentos de Imposto de Renda, como lembra relatório gerencial do Sequóia III Renda Imobiliária (SEQR11), que classifica o produto como a opção mais simples de investir no mercado imobiliário.

“Essa classe de ativos apresenta vantagens para os investidores, incluindo proteção contra inflação, liquidez, diversificação do portifólio, periodicidade no pagamento de dividendos, além de isenção de imposto de renda sobre rendimentos”, confirma o documento. “Todas essas características são estruturais e independem do momento ou do patamar das taxas de juros”, complementa o texto.

Newsletter

Liga de FIIs

Receba em primeira mão notícias exclusivas sobre fundos imobiliários

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Wellington Carvalho

Repórter de fundos imobiliários do InfoMoney. Acompanha as principais informações que influenciam no desempenho dos FIIs e do índice Ifix.