Títulos Públicos

Qual é o melhor título do Tesouro Direto para mim?

Claudio Akira Kawamoto, CFP, planejador financeiro certificado pelo IBCPF, responde a pergunta de leitor do InfoMoney

Pergunta

Estou querendo investir em média R$150 por mês no Tesouro Direto, mas estou em dúvida em qual indexador : IPCA + juros semestrais, IPCA (NTNB), prefixado com juros semestrais ou Selic? Além disso, gostaria de investimento a longo prazo com isenção de imposto.

Leitor: Luiz

PUBLICIDADE

Resposta de Claudio Akira KawamotoCFP, Planejador Financeiro Certificado pelo IBCPF

Você já deve ter ouvido aquela velha frase utilizada nos investimentos: “não devemos colocar todos os ovos na mesma cesta”. Certo?

Bom, esta frase também se aplica na hora de decidir qual o melhor indexador para as suas aplicações em renda fixa. Dessa forma, o investidor deve buscar compor a sua carteira de renda fixa com ativos que remunerem a taxas de juros pós-fixadas e, também, pré-fixadas. Para determinar quais títulos deveriam compor a sua cesta de ativos, precisaríamos ter mais informações sobre os seus objetivos e necessidades.

De forma geral, uma carteira conservadora de longo prazo poderia ser composta de:

– 80% de títulos pós-fixados, como a LFT, que variam conforme a taxa Selic;

– 10% de títulos pré-fixados, como a LTN, que você conhece a rentabilidade na hora da compra;

PUBLICIDADE

– 10% de títulos de inflação, como a NTN-B, que variam conforme a taxa de inflação IPCA, somada a uma taxa pré-fixada.

Infelizmente, os títulos públicos não possuem a isenção de imposto de renda que você deseja. Se quiser deixar de pagar IR, as alternativas mais indicadas são as famosas LCI e LCA e, as debêntures de infraestrutura. Para estes ativos, vale a mesma divisão de aplicação sugerida para os títulos públicos.

Claudio Akira Kawamoto, é planejador financeiro pessoal e possui a certificação CFP® (Certified Financial Planner), concedida pelo Instituto Brasileiro de Certificação de Profissionais Financeiros (IBCPF). 

As respostas refletem as opiniões da autora. O IBCPF e o Infomoney não se responsabilizam pelas informações acima ou por prejuízos de qualquer natureza em decorrência do uso destas informações.

Perguntas devem ser feitas por meio da plataforma Ganhe Mais. Cadastre-se gratuitamente e tire suas dúvidas com planejadores certificados e capacitados.