Investe em títulos do Tesouro? Veja horários e cobrança de taxa na virada para 2024

Saiba como será o funcionamento do mercado de títulos públicos no Ano Novo

Leonardo Guimarães

Publicidade

Se você quer vender ou comprar um título público neste fim de ano, precisa se planejar. As negociações do Tesouro Direto terão restrições no Ano Novo.

Não haverá negociação de títulos públicos entre os dias 29 de dezembro e 1 de janeiro. Após a sessão desta quinta-feira (28), o mercado de renda fixa pública retoma as atividades apenas na terça-feira (2) às 9h30, com compras e vendas até 18h.

Taxa de custódia

Com o ano novo, chega também uma das primeiras cobranças de janeiro: a taxa de custódia do Tesouro Direto. Ela é cobrada nos primeiros dias úteis de janeiro e julho.

Oferta Exclusiva

CDB 150% do CDI

Invista no CDB 150% do CDI da XP e ganhe um presente exclusivo do InfoMoney

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

No próximo dia 2, o investidor precisa ter saldo na corretora para pagar a taxa de 0,1% do valor investido. A cobrança é proporcional ao tempo de aplicação. Se um investidor manteve o título por um ano, paga a taxa integral. Caso tenha vendido o papel antes, deve uma taxa proporcional à duração do investimento.  O investidor deve receber um e-mail com os valores que serão cobrados.

Há, porém, exceções na cobrança da taxa de custódia: aportes de até R$ 10 mil no Tesouro Selic, e investimento abaixo de R$ 10 em qualquer título estão isentos.

Leia mais:

Continua depois da publicidade