Saldo também é positivo no ano

Com impulso dos multimercados, indústria de fundos tem captação líquida de R$ 23,3 bilhões em abril

No acumulado do primeiro quadrimestre, renda fixa lidera a captação, com R$ 64,3 bilhões, enquanto fundos de ações e de previdência sofrem resgates

SÃO PAULO – A indústria de fundos de investimento registrou captação líquida de R$ 23,3 bilhões em abril, o que fez o saldo positivo do ano alcançar a marca de R$ 124,1 bilhões, e de R$ 345,1 bilhões, nos últimos 12 meses. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira pela Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima).

Entre os destaques de captação do mês passado, os multimercados tiveram entradas líquidas da ordem de R$ 12,4 bilhões, enquanto, nos fundos de ações, a captação superou o resgate em R$ 4,9 bilhões. Já a renda fixa amealhou outros R$ 4,4 bilhões.

Entre os veículos de caráter mais alternativo, os fundos de investimento em direitos creditórios (FIDCs) tiveram captação de R$ 14,8 bilhões em abril.

Na ponta contrária, a categoria de previdência registrou resgate de R$ 11,6 bilhões no mês passado, e os ETFs tiveram saque líquido de R$ 2,6 bilhões.

No acumulado do primeiro quadrimestre do ano, a renda fixa lidera a captação com R$ 64,3 bilhões. Na sequência aparecem os multimercados, com R$ 50,4 bilhões, e os FIDCs, com R$ 34,7 bilhões.

Os fundos de ações tiveram resgate de R$ 4,1 bilhões em 2021, até abril, e os de previdência, de R$ 1,8 bilhão. Nos ETFs, as saídas totalizaram R$ 1,5 bilhão nos quatro meses do ano.

Ganhos dispersos

Em termos de rentabilidade, entre os multimercados com maior patrimônio, aqueles classificados como “multimercados investimento no exterior”, “multimercados livre” e “multimercados macro” têm ganhos médios de 2,7%, 1,5% e 1,4%, respectivamente, em 2021.

Na renda variável, os fundos do tipo “ações livre” rendem 3,5%, enquanto as estratégias “ações investimentos no exterior” avançam 8,5% no ano. Também com ganhos relevantes, as estratégias “small caps” rendem 5,9%.

PUBLICIDADE

Por fim, na renda fixa, o maior ganho em 2021 fica por conta dos fundos “renda fixa duração alta grau de investimento”, com rentabilidade de 3,7%, e “renda fixa dívida externa”, com alta de 3,2%.

Ranking Melhores Fundos InfoMoney-Ibmec Descubra quais são e como investem os melhores fundos de investimento do país:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.