Fundos imobiliários

Central de FIIs: perdas do Ifix já superam 11% em 2021

Confira as informações que influenciam na indústria dos fundos imobiliários hoje

(Sushiman/Getty Images)

SÃO PAULO – O Ifix – índice dos fundos imobiliários mais negociados na Bolsa – aprofundou ainda mais as perdas acumuladas em 2021. Nesta quarta-feira (24), o indicador caiu 0,65%, aos 2.546 pontos. Na semana, o índice perde 1,82% e, no mês, 4,81%. O Ifix acumula queda de 11,25% em 2021. O desempenho reforça a recomendação dos analistas, que sugerem aos investidores maior seletividade na escolha dos fundos imobiliários.

Em um relatório divulgado nesta terça-feira (23), os analistas do Itaú BBA afirmam enxergar oportunidades de ganho de capital com fundos imobiliários do segmento de lajes corporativas. No documento, eles recomendam a compra de cinco ativos do setor.

“Em nossa opinião, fundos de lajes corporativas, no momento, são oportunidades de ganho de capital, seja pelo desconto em relação ao valor patrimonial, ou pela comparação em relação ao custo de reposição”, detalha o relatório. Considerando o contexto de mercado, a qualidade de portfólio e o histórico e experiência do time de gestão, os analistas recomendam cinco FIIs do segmento: CSHG Prime Offices (HGPO11), Kinea Renda Imobiliária (KNRI11), VBI Prime Properties (PVBI11), RBR Properties (RBRP11) e Tellus Properties (TEPP11).

“Seguimos preferindo fundos com portfólios de qualidade e bem localizados, características muito bem-vindas em tempos turbulentos como o que estamos vivendo atualmente”, explica o relatório.

Já do lado dos fundos imobiliários de logística, o foco está no desempenho do e-commerce durante a Black Friday. A expansão do comércio eletrônico durante a pandemia tem estimulado o segmento nos últimos meses. Estudo da Neotrust, empresa especializada em inteligência de mercado, prevê aumento de 18% do faturamento do e-commerce durante a edição 2021 da Black Friday (leia mais ao longo do Central de FIIs).

Maiores altas desta quarta-feira (24):

TickerNomeSetorVariação (%)
RBFF11Rio Bravo IfixTítulos e Val. Mob.3,19
SARE11Santander RendaHíbrido2,01
TRXF11TRX Real EstateOutros1,64
RBRF11RBR AlphaTítulos e Val. Mob.1,36
RBED11Rio Bravo Renda EducacionalOutros1,23

Maiores baixas desta quarta-feira (24):

TickerNomeSetorVariação (%)
VILG11Vinci LogisticaLogística-3,07
RVBI11VBI ReitsTítulos e Val. Mob.-2,87
BZLI11Brazil RealtyTítulos e Val. Mob.-2,79
XPIN11XP IndustrialOutros-2,75
PLCR11Plural Recebiveis ImobiliariosHíbrido-2,51

Fonte: B3

Nova oferta do Versalhes, Rio Bravo confirma compra de andares do JK Financial e mais assuntos

Confira as últimas informações divulgadas por fundos imobiliários em fatos relevantes:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Fundo Versalhes (VSLH11) lança oferta de R$ 50 milhões

O fundo Versalhes Recebíveis Imobiliários aprovou uma nova emissão de cotas – a quarta – com a qual pretende captar R$ 50 milhões. Com 29.639 cotistas, o fundo tem como objetivo investir em CRIs (certificados de recebíveis imobiliários).

O preço unitário de emissão das novas cotas será de R$ 9,63, mais R$ 0,24 de taxa de distribuição, totalizando R$ 9,87. No fechamento desta terça-feira (23), a cota foi negociada na B3 a R$ 9,92.

Cotistas com posição no fechamento do dia 26 de novembro terão preferência na oferta e poderão manifestar interesse na subscrição de novas cotas entre os dias 1º e 13 de dezembro. O fator de proporção é de 17%.

O portfólio do Versalhes fechou o mês de setembro com 60,7% dos ativos indexados ao IPCA (Índice de Preço ao Consumidor Amplo), 24,4% ao IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado) e o restante entre caixa e outros indexadores.

No último dia 16, o fundo distribuiu R$ 0,15 por cota, valor que representa um retorno com dividendo mensal de 1,46%.

Rio Bravo (RCRB11) confirma aquisição de novos andares no JK Financial Center, em São Paulo

O fundo Rio Bravo Renda Corporativa realizou o pagamento do sinal referente à compra de mais cinco andares do Edifício JK Financial Center, na avenida Presidente Juscelino Kubitschek, em São Paulo (SP). No mês passado, o fundo havia assinado compromisso para a aquisição dos imóveis.

Nesta terça-feira (23), o fundo pagou R$ 24 milhões como uma espécie de adiantamento do negócio. O pagamento restante, cerca de 80% do valor da transação, será realizado no momento da assinatura da escritura de compra e venda.

O valor total da operação, que envolve uma área de quase cinco mil metros quadrados, é de R$ 124 milhões. O fundo já era proprietário de outros seis andares do edifício e, com a nova aquisição, aumenta a participação no imóvel de 39% para 73%.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na avaliação da gestão do Rio Bravo, a compra é uma oportunidade para ampliar participação em um ativo relevante na estratégia do fundo e localizado em uma região conhecida como “coração financeiro” de São Paulo, com níveis de vacância historicamente baixos.

O JK Financial Center, que agora tem o Rio Bravo como investidor majoritário, está 100% locado para empresas como Wald, Finep, Lifetime e Arteris. O fundo promete informar, após a conclusão do negócio, o impacto da compra na distribuição de rendimentos para os cotistas.

RBR Properties (RBRP11) tem novo inquilino no River One, em São Paulo

O fundo RBR Properties fechou a locação do 19º andar do Edifício River One, localizado no bairro de Pinheiros, em São Paulo (SP). O locatário será a 1, 2, 3 Marketing de Eventos, empresa do grupo Experience Club.

De acordo com comunicado ao mercado, após o período de carência, previsto no contrato, o valor da nova locação representará um acréscimo na distribuição do fundo de R$ 0,014 por cota.

A gestão do RBR Properties aponta que o negócio representa um passo importante na evolução da estratégia de comercialização do imóvel, ativo mais relevante do portfólio do fundo, representando mais de 40% da carteira.

Fundos Imobiliários: tudo o que você precisa saber para começar a investir

Giro imobiliário: Fundos imobiliários com preço de Black Friday; compras online podem bater recorde durante a data 

Estudo projeta crescimento de 18% no faturamento do e-commerce durante a Black Friday

O faturamento do comércio eletrônico durante a edição 2021 da Black Friday pode chegar a R$ 6,1 bilhões, de acordo com estudo da Neotrust, empresa especializada em inteligência de mercado. O volume seria 18% superior ao registrado no ano passado.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De acordo com o levantamento, a data deve gerar 8,5 milhões de pedidos no e-commerce, com alta de 13% na comparação com 2020. Os números consideram o movimento das operações na quinta-feira (25) e na sexta-feira (26).

“A Black Friday de 2020 foi a maior do varejo digital brasileiro, com 4,52 milhões de consumidores ativos e um aumento de quase 900 mil clientes em relação ao ano anterior”, explica Fabrício Dantas, CEO da Neotrust.

“Pode parecer difícil superar o recorde do ano passado, mas o comportamento do segmento nos últimos meses mostra que o consumidor definitivamente gosta de comprar online”, projeta.

Levantamento da Neotrust sobre a expectativa dos consumidores aponta que 59% dos entrevistados prometem comprar algum produto online na Black Friday 2021.

Conheça cinco fundos imobiliários com preço de Black Friday

Em época de Black Friday, o consumidor precisa ficar atento às ofertas para garantir que está fazendo uma compra realmente vantajosa. Nos períodos de queda no mercado financeiro, o investidor também precisa redobrar a atenção para aproveitar as oportunidades que aparecem. Identificar o que realmente está barato nem sempre é fácil, mas pode ser muito rentável no longo prazo.

O assunto foi destaque da edição do Liga de FIIs desta terça-feira (23). Produzido pelo InfoMoney, o programa tem apresentação de Maria Fernanda Violatti, analista da XP, Thiago Otuki, economista do Clube FII, e de Wellington Carvalho, repórter de fundos imobiliários do InfoMoney.

Pensando nisso, Maria Fernanda e Otuki selecionaram cinco fundos imobiliários que apresentam bons fundamentos e ainda oferecem um bom ponto de entrada. Os descontos superam 30%, dignos de uma verdadeira Black Friday. Confira a lista e a análise de cada fundo no vídeo:

 

Calcule sua renda com FIIs
Baixe uma planilha gratuita que mostra o retorno com dividendos de uma carteira de fundos imobiliários:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.