Ameaça de colapso em mina afeta negociações e debênture da Braskem vai a CDI+5% nesta 2ª

De acordo com fonte, mercado vem corrigindo os preços há cerca de uma semana, mas o movimento foi mais forte hoje, mesmo sem novo fato negativo

Bruna Furlani

Publicidade

A iminente ameaça de colapso em um dos poços da mina 18 de sal-gema da Braskem (BRKM5) provocou um novo dia de ajustes para baixo no preço das ações e também sobre as debêntures da empresa nesta segunda-feira (4).

Segundo um operador de mesa ouvido sob condição de anonimato pela reportagem, o mercado vem corrigindo os preços dos títulos há cerca de uma semana, mas o movimento foi mais forte nesta segunda, mesmo sem um novo fato aparente.

De acordo com a fonte, houve negócio da debênture BRKMA8 a CDI+5%, acima da taxa de CDI+3,2% vista nos dias anteriores. Apenas para se ter uma ideia, a taxa de emissão do papel foi de CDI+1,70%. O título possui vencimento em 2029.

Oferta Exclusiva

CDB 150% do CDI

Invista no CDB 150% do CDI da XP e ganhe um presente exclusivo do InfoMoney

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Na última quinta-feira (30), o mercado foi informado de que a empresa foi intimada sobre um deferimento de tutela de urgência em nova ação de autoridades federais e de Alagoas sobre danos causados por movimentação do solo em Maceió.

Em fato relevante, a companhia informou que a ação tem um valor atribuído pelos autores de R$ 1 bilhão.

Leia também:

Continua depois da publicidade

No dia anterior, a Defesa Civil de Maceió já havia emitido alerta sobre o iminente risco de colapso de um dos poços na mina 18 de sal-gema da Braskem.

A área está entre as que já foram desocupadas, mas ainda existem residentes em regiões próximas. O episódio representa mais uma complicação do problema ocorrido em 2018, que foi causado pelas atividades de mineração de sal-gema da Braskem na região. Desde então, essas operações foram paralisadas.

Fechamento das cavidades deve ocorrer até 2025

Hoje pela manhã, a petroquímica divulgou novo comunicado afirmando que vem adotando medidas para o fechamento definitivo dos poços de sal, conforme plano e cronograma apresentados às autoridades, e aprovados pela Agência Nacional de Mineração (“Plano de Fechamento Definitivo”).

As ações do Plano de Fechamento Definitivo para as 35 Cavidades já atingiram 70% de avanço, mas a conclusão está prevista apenas para meados de 2025, segundo a Braskem.