Em negocios / noticias-corporativas

Pablo retorna, marca seu gol no choque-rei, mas sofre nova lesão e desfalcará o São Paulo

Atacante são-paulino fez sua primeira partida desde o dia 30 de março, quando enfrentou o próprio Palmeiras.

O atacante Pablo, do São Paulo, voltou aos gramados na noite desse sábado (13) no clássico choque-rei diante do Palmeiras no Morumbi, mas a noite não terminou bem para o jogador, que apesar do gol, sofreu uma nova lesão e voltará a desfalcar o time tricolor.

O jogo ao vivo aconteceu no estádio Cícero Pompeu de Toledo, o conhecido Morumbi, válido pela décima rodada do Campeonato Brasileiro e foi a primeira do São Paulo após a parada para a disputa da Copa América. A missão não era das mais fáceis: parar o líder invicto do campeonato e rival Palmeiras, que vinha de uma vitória por 1x0 contra o Internacional, em partida válida pelas quartas de final da Copa do Brasil. A expectativa da torcida tricolor era ver a primeira vitória do time em clássicos no ano e a volta do atacante Pablo a equipe titular.

Pablo não entrava em campo desde o dia 30 de março, quando enfrentou o próprio Palmeiras pelo Campeonato Paulista. O atacante teve que ficar todo esse tempo parado por conta de fortes dores na panturrilha e também de uma cirurgia onde precisou retirar um cisto de sua coluna lombar. Ao todo foram 14 jogos sem atuar. Após o período de recuperação, o jogador foi relacionado para o clássico desse sábado como titular.

As coisas começaram bem para Pablo e para o São Paulo. Foi dele o gol que abriu o placar para o tricolor depois de um bom início de partida. Era o que o centroavante precisava para cravar seu espaço no ataque do time, que apesar de disputado, não encontra a vitória há 8 jogos oficiais. Porém foi ainda no primeiro tempo que o rumo do jogador na partida mudaria completamente. Aos 40 minutos de jogo numa disputa de bola aérea com o volante palmeirense Thiago Santos, Pablo teve uma queda dura sobre sua perna direita, chegando a dobrar na altura do tornozelo. O jogador chegou a ser atendido fora de campo e voltar para o jogo, mas apesar do esforço, não deu para o artilheiro permanecer em campo, e no intervalo ele foi substituído por Raniel, que faria sua estreia pelo São Paulo.

Pablo realizou exames no domingo e segunda-feira em São Paulo e o diagnóstico foi de lesão no ligamento do seu tornozelo direito. Apesar do susto e da forte imagem, não é uma lesão muito grave e o jogador não precisará ser submetido a nenhum tipo de tratamento cirúrgico. Já no domingo, o atacante começou o tratamento fisioterápico no CT da Barra Funda. Pablo relata dores no tornozelo e no joelho, mas em comunicado oficial, o clube tricolor disse que após o início do tratamento ele já apresentou melhora no seu quadro de lesão. A previsão é de que o jogador desfalque o time do São Paulo por pelo menos duas partidas, podendo variar para até 30 dias de acordo com a evolução em seu tratamento médico.

O atacante são-paulino tranquilizou a torcida quando fez um post em seu Instagram, onde publicou uma foto com a seguinte legenda: "Agradeço a Deus por não ter sido algo grave! Obrigado por todas mensagens de carinho e apoio que vocês me enviaram! Se Deus quiser logo voltarei mais forte!"

Apesar de todo o tempo em que ficou afastado, Pablo ainda é o artilheiro da equipe tricolor na atual temporada, que também é a sua primeira com a camisa da equipe. O artilheiro são-paulino de 27 anos, foi autor de cinco gols até o momento, tendo disputado 16 partidas, pela Libertadores (2), Paulistão (13) e Brasileirão (1).

O próximo compromisso da equipe do São Paulo é no dia 22 desse mês, contra a Chapecoense no Morumbi, pela décima primeira rodada do Brasileirão. Já o Palmeiras enfrenta o Internacional na quarta-feira (17) no segundo confronto das quartas da Copa do Brasil. O jogo será no Beira-Rio.

São Paulo atinge marca negativa em clássicos

E foi em 25 de julho de 2018, há quase um ano atrás que o São Paulo conquistou sua última vitória em clássicos. Na ocasião, o time bateu o Corinthians por 3x1 no Morumbi, com dois gols do lateral esquerdo Reinaldo e um do zagueiro Anderson Martins. 

Após o empate desse sábado (13) contra o Palmeiras, o tricolor irá completar um ano sem vencer nenhum clássico. O jejum só poderá ser quebrado no próximo dia 10 de agosto, quando a equipe vai enfrentar o Santos pelo Campeonato Brasileiro. Ao todo, já se passaram 12 jogos contra seus grandes rivais. Na temporada 2019, apesar de ter conseguido chegar na final do Campeonato Paulista, o clube ainda não venceu nenhum rival, tendo empatado quatro jogos, uma vez contra o Corinthians e três contra o Palmeiras, e perdido por cinco ocasiões, tendo sido uma vez contra o Santos, uma contra o Palmeiras e três contra o Corinthians.

Cuca, técnico da equipe tricolor, lamentou o empate na última partida diante do Palmeiras e diz ter sido dolorido: "Um empate desses tem sabor de derrota para nós, é muito dolorido. Pode ter certeza que dói mais em mim e neles (jogadores) do que em todo mundo. Mas a gente tem que saber diferenciar. Se aquele gol não acontece, em uma bola viajada, que bate na trave e na nuca do goleiro, todos estariam sendo elogiados hoje. Se faz o 2 a 0, era um elogio geral pelo que a equipe produziu. Temos que diferenciar o resultado do que foi o desempenho. Desempenhamos bem na grande maioria do jogo".

Website: https://www.afolhahoje.com/

 

Tudo sobre: 

Contato