EXPERIMENTE!

Clique e experimente a
versão rápida do

Em negocios / inovacao

Nova rede social quer ser um "fórum de ideias e polêmicas", mas sem perfis falsos

Chamada Polemitics, ela se diferencia em muitos aspectos das demais redes sociais   

jovens no computador - internet
(Shutterstock)

SÃO PAULO – Uma nova rede social do mercado propõe que textos, imagens e GIFs, hoje a essência do Facebook e Instagram, por exemplo, sejam abolidos e deem lugar somente a vídeos. O objetivo dessa trocar é “humanizar” a internet: criar discussões e interações entre pessoas reais, que “mostram sua cara”, e não fakes. 

Em um cenário de proliferação de fake news e debates acalorados nas redes sociais, com perfis que nem sempre são reais, a chamada Polemitics quer criar discussões genuínas e tornar-se um fórum de discussão de ideias, onde os usuários tenham “coragem para compartilhar suas ideias e humildade para ouvir os outros”, segundo o CEO da companhia, Luiz Guilherme Priolli.

A rede foi lançada através de aplicativo para Android e iOS em maio deste ano, aproveitando a onda das eleições brasileiras e a já terminada Copa do Mundo para fomentar o debate de ideias. Ela funciona somente em aplicativos: o site existe para direcionar para o download do app e explicar a proposta da rede.

“Não é uma rede só para discussão de coisas sérias, temos também coisas mais leves. É uma rede social para as pessoas praticarem seu perfil intelectual no geral”, comentou o CEO, convidado do programa F5 desta quarta-feira (8).

Durante a entrevista, ele comenta também o porquê da escolha por vídeos, questões de segurança e privacidade e quais os objetivos da Polemitics.

Assista à entrevista completa no player acima. 

O programa F5 é apresentado pelo professor do InfoMoney Educação Arthur Vieira de Moraes e pelo especialista em blockchain e fundador do Finlab Gustavo Cunha. Ele é transmitido semanalmente, às 15h, na InfoMoneyTV.

Contato