Em negocios / grandes-empresas

Gol apresenta alta de 24% em receita por passageiro no 2º trimestre

Gol espera um aumento da receita unitária (RASK) de aproximadamente 23% no segundo trimestre

boeing 737 gol linhas aéreas
(Shutterstock)

SÃO PAULO - A companhia aérea Gol (GOLL4) tinham alta de 0,45% no início das negociações desta segunda-feira (08). A alta acontece após a empresa divulgar as informações preliminares de seu balanço do segundo trimestre.

O principal destaque é a alta de 24% da chamada receita unitária de passageiro (PRASK), em comparação com o mesmo período do ano passado. A XP Invstimentos destaca que o número veio "acima das nossas expectativas, mas em linha com o cenário de redução de capacidade no setor observada no trimestre."

A margem operacional do segundo trimestre deve ficar entre 9% e 10%, segundo a companhia (acima dos 7,3% do mesmo período do ano passado). O Banco Bradesco BBI destacou que os números foram impulssionados pela disciplina da Gol e revisaram o preço-alvo da ação para R$ 47 para o ano de 2020. 

A Gol também estima uma margem Ebitda entre 22% e 24% para o segundo trimestre, representando um aumento em relação ao mesmo trimestre do ano passado, que ficou em 16,4%. Na comparação, a empresa informa que houve ajuste com base no IFRS 16.

A empresa destacou que os custos unitários ex-combustíveis (CASK ex-comb.) deverão aumentar aproximadamente 15%, frente ao mesmo período do ano passado, principalmente pela depreciação de 9% da moeda brasileira, na comparação anual, por aumentos em impostos sobre folha de pagamento, pela reoneração da folha de pagamento, pelo aumento de despesas com pouso e pela navegação devido ao aumento de aproximadamente 10% nas taxas, e aumentos de depreciação, devido à adição de cinco aeronaves líquidas na frota.

A alavancagem financeira da Gol, apresentada pelo indicador Dívida Líquida /Ebitda, ficou em aproximadamente 3,2 vezes no trimestre findo em junho de 2019. A Companhia amortizou R$ 100 milhões de dívida no trimestre e a liquidez total no final do trimestre está estimada em R $3,7 bilhões, acima dos R$ 3,5 bilhões no trimestre anterior.

 

Tudo sobre:  Empresa   Ações  

Contato