Em negocios / grandes-empresas

Nubank abre escritório na Argentina em avanço na América Latina

Rafael Soto, ex-presidente do aplicativo de pagamentos móveis Uala, vai chefiar a operação argentina e o plano é ter 300 funcionários até o final de 2020

nubank cartão
(divulgação)

(Bloomberg) -- O Nubank escolheu a Argentina como o próximo destino de sua expansão fora do Brasil.

A fintech brasileira, hoje o quinto maior emissor de cartões de crédito do país, vai abrir um escritório na Argentina, disse Cristina Junqueira, co-fundadora da Nubank em entrevista. Rafael Soto, ex-presidente do aplicativo de pagamentos móveis Uala, vai chefiar a operação argentina e o plano é ter 300 funcionários até o final de 2020, segundo Cristina.

“Estamos estudando expandir para outros mercados latino-americanos também”, disse ela. A fintech anunciou que abriria um escritório no México em maio.

Cristina diz que o Nubank ainda não decidiu qual será o primeiro produto que terá na Argentina, mas que o plano é fazê-lo até o ano que vem. O escritório também será usado como centro tecnológico para apoiar o resto de seus empreendimentos em toda a América Latina, disse.

O Nubank tem 9 milhões de clientes e vale perto de US$ 3,6 bilhões, segundo dados da mais recente rodada de investimentos.

Seu sucesso já inspirou uma fintech semelhante na Argentina, o Brubank SAU. Ambas empresas estão de olho em um mesmo espaço: menos da metade da população da Argentina tem uma conta bancária.

Invista melhor o seu dinheiro. Abra uma conta gratuita na XP. 

 

Contato