Em negocios / grandes-empresas

Nubank negocia aporte do Softbank e pode valer US$ 10 bilhões, diz site

Site Recode diz que o investimento poderia impulsionar a expansão da fintech na América Latina  

nubank cartão
(divulgação)

SÃO PAULO – Uma nova rodada de investimentos pode avaliar a fintech Nubank em algo entre US$ 8 bilhões e US$ 10 bilhões, afirmou o site Recode nesta quinta-feira (6). O portal cita o conglomerado japonês de tecnologia Softbank como um dos atores do aporte.

Caso os valores sejam confirmados, o banco digital se tornaria a segunda startup mais valiosa do mundo, atrás apenas da provedora de pagamentos Stripe, avaliada em US$ 20 bilhões.

Em outubro, o Nubank recebeu um aporte de US$ 180 milhões da empresa de tecnologia Tencent que elevou seu valor de mercado a US$ 4 bilhões na época. Outros aportes na empresa uniram nomes como a Sequoia Capital, Kaszek Ventures e Tiger Global Management e somaram mais de US$ 400 milhões.

O Softbank chegou neste ano à América Latina com um fundo de venture capital no valor de US$ 5 bilhões para investir em empresas de tecnologia com alto potencial de crescimento. A primeira agraciada foi a plataforma de delivery Rappi, em maio, que recebeu US$ 1 bilhão. Nesta semana, a Loggi, de logística, recebeu outros US$ 150 milhões e tornou-se oficialmente um unicórnio – startup avaliada em mais de US$ 1 bilhão. O Softbank também investe em gigantes como Uber e WeWork. 

Em nota, o Nubank disse que “está sempre avaliando oportunidades de novas captações de investimentos”, mas não comentou as informações sobre um aporte do Softbank.

Com 8,5 milhões de clientes no Brasil, o Nu anunciou expansão para o México no início de maio e, na época, afirmou que os recursos do aporte mais recente, da Tencent, não seriam consumidos nesta operação.

Invista melhor o seu dinheiro. Abra uma conta gratuita na XP

 

Contato