Em negocios / grandes-empresas

Não é um salário alto que garante que você será rico; bilionário explica por quê

Flávio Augusto, fundador da rede de idiomas Wise Up e proprietário do time de futebol Orlando City, participou de live com O Primo Rico nesta quarta-feira

Flávio Augusto
(Divulgação)

SÃO PAULO – Ter uma receita alta é importante para conseguir acumular recursos e se tornar independente financeiramente. Mas isso não basta. Se você ganhar um bom salário e não souber administrar os recursos, não vai conseguir ser bem-sucedido.

Esse princípio é básico em qualquer manual de finanças, mas quando é explicado por um bilionário como Flávio Augusto, fundador da rede de idiomas Wise Up e proprietário do time de futebol Orlando City, fica mais fácil de entender – e de acreditar.

“Eu tinha um funcionário que ganhava muito dinheiro. Cerca de R$ 70 mil por mês em 1999 [corrigido pela inflação, esse valor equivale a R$ 250 mil hoje]. Mas ele sempre gastou mais do que ganhava. Sempre. Então ele vivia endividado", disse na manhã desta quarta-feira (27) em uma live no Instagram com Thiago Nigro, criador do canal O Primo Rico, um dos maiores do Youtube.

A transmissão, que fez parte do “Desafio do Mil ao Milhão”, começou exatamente às 5h06 e bateu o recorde de audiência simultânea em um canal de finanças, com 40.800 pessoas assistindo ao mesmo tempo – número suficiente para lotar as arquibancadas do estádio do Corinthians, em Itaquera.

Durante quase 50 minutos, Flavio Augusto compartilhou com os seguidores do Primo Rico insights sobre empreendedorismo e sucesso financeiro. Para ele, a diferença entre uma pessoa que não tem dinheiro sobrando e outra que consegue juntar grandes quantas é basicamente a capacidade que elas têm de gerar valor.

“A pessoa precisa ter capacidade de ser produtiva e entregar algum produto ou serviço de qualidade se quiser acumular patrimônio”, afirmou. No entanto, não adianta conseguir entregar ótimos resultados se você tiver gastos maiores do que as suas receitas. "Se você for uma pessoa que gasta mais do que ganha, pode gerar o valor que quiser que nunca vai conseguir acumular riqueza”, continuou.

Para assistir a live, basta acessar o canal O Primo Rico no Instagram clicando aqui.

Outro ponto importante é conseguir ganho de escala para atingir mais clientes. “Essa é a diferença entre o milionário e o bilionário. Quem consegue um patrimônio de mais de um bilhão precisou de uma escala muito maior. É necessário ter muita capacidade de gestão e um negócio muito bem-sucedido, com uma grande escala”, disse o bilionário.

Flávio Augusto vendeu a Wise Up em 2013 por R$ 877 milhões. No final de 2015 ele recomprou a empresa por R$ 398 milhões, com 146 unidades a menos – A Wise Up tinha 396 unidades quando foi vendida para a Abril Educação e 250 quando o empresário recomprou. Atualmente, a rede já conta com 420 unidades.

A importância da venda

Flávio Augusto é conhecido por ser um exímio vendedor e garante que todas as pessoas precisam vender alguma coisa. No final, quem souber vender melhor é aquele se vai se dar bem.

 “Você pode vender um produto ou um serviço. Ou então apenas o seu tempo. O salário nada mais é do que trocar seu tempo por dinheiro. O problema, neste caso, é que o nosso tempo é limitado – temos apenas 24 horas no dia”, diz.

 Flávio afirma que começou sua carreira vendendo tempo – ou seja, trabalhando por um salário. Depois, passou a vender um produto - os cursos de inglês. A próxima etapa foi vender projetos de franquias para as pessoas interessadas em entrar no negócio que ele tinha montado. E no final, ele vendeu o equity – ou seja, o próprio negócio que tinha criado.

Desafio do Mil ao Milhão

A live com Flávio Augusto foi a primeira recompensa para os seguidores do “Desafio Do Mil ao Milhão”, no qual Thiago Nigro faz uma live diária, durante 21 dias consecutivos, com começo sempre às 5h06 da manhã. 

No Desafio, que começou há nove dias, o Primo dá o caminho das pedras para quem quer mudar sua vida financeira: ele fala sobre dinheiro, mindset, investimentos, princípios e tudo o que você precisa para ter sucesso.

 A participação no Desafio é gratuita, mas quem quiser assistir e ser recompensado com insights e muita informação de valor precisa fazer o esforço de acordar cedo todos os dias, inclusive nos finais de semana, já que os encontros nunca ficam gravados.

 Milionário aos 26 anos

Thiago Nigro atingiu a independência financeira aos 26 anos, depois de trabalhar por quase 8 anos no mercado de assessoria de investimentos.

Hoje ele se dedica a ensinar os brasileiros a investirem melhor seu dinheiro por meio do canal O Primo Rico, que conta com mais de 2 milhões de assinantes no YouTube, e também por outras redes sociais.

 

Contato