Em negocios / grandes-empresas

Avianca encerra operações em aeroportos do Rio de Janeiro, Petrolina e Belém

Empresa vai passar a operar com 26 aviões em 23 destinos; clientes com passagens compradas devem entrar em contato com a aérea

Avianca 2 - turbina - avião
(Reprodução)

SÃO PAULO - A Avianca Brasil anunciou que vai encerrar as operações nos aeroportos do Galeão no Rio de Janeiro, de Petrolina em Pernambuco e em Belém do Pará. 

A empresa vem enfrentando bastante dificuldades desde que pediu recuperação judicial em dezembro do ano passado. 

Assim, a medida tem como objetivo manter "o compromisso com a sustentabilidade e a continuidade de suas operações". 

A companhia aérea também informou que vai diminuir sua frota e passa a operar com 26 aviões e 23 destinos - antes eram 42 aviões. Há, ainda, a possibilidade de cancelar algumas rotas.

Por enquanto, a operações seguem normalmente em "32 rotas remanescentes que são estratégicas" para a empresa. 

Situação dos passageiros 

No mesmo comunicado, a Avianca informa que os passageiros que compraram passagens para os destinos que deixaram de ser atendidos serão totalmente assistidos seja por meio de reembolso dos bilhetes, ou realocação de voos, entre outros, de acordo com a resolução 400 da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil). 

"Para esclarecer dúvidas dos nossos clientes, vamos disponibilizar em nosso site informações sobre as rotas descontinuadas", diz o comunicado.  

Invista seu dinheiro para viajar para onde quiser. Abra uma conta na XP - é de graça. 

 

Contato